José Trigueiros nasceu em 1985 numa cidade em cujo o animal doméstico predilecto dos seus habitantes é um galo de barro. De Barcelos conta para esta biografia a biblioteca dos tios, na qual aprendeu a ruminar palavras.

Licenciou-se em Estudos Artísticos na Universidade de Coimbra, com forte queda para o cinema, e meteu-se num avião rumo a Barcelona, onde concluiu dois mestrados sem dizer uma única palavra em catalão. Após escrever meia-dúzia de contos, venceu cinco vezes consecutivas o Prémio Jovens Criadores, entre outros, e representou a literatura portuguesa em países como Angola, Itália, Inglaterra e Brasil. Presentemente vive em Lisboa, tem uma namorada alentejana, um gato chamado Alecrim e uma revista preferida onde escreve ficção histórica: a Gerador.

 www.facebook.com/josetrigueiros