“Dismantle – to Dissipate”, é uma exposição a título individual de Pedro Pascoinho, para ver na Galeria Acervo – Arte Contemporânea, em Lisboa.

A abstração é uma das nuances mais vincadas desta nova mostra do autor, para quem a pintura continua a ter lugar de destaque no corpo de trabalho que apresenta. Obras como “Entrance”, “Order”, “Withraw Extraction” refletem precisamente um afastamento da figuração e uma aproximação à abstração formal, uma “viragem” no trabalho do autor traduzida pelo “abandono do mundo das aparências e a entrada no mundo de um estilo próprio no qual a depuração é claramente um assunto.”

Pedro Pascoinho, nascido em 1972, é natural da Figueira da Foz, cidade onde maioritariamente desenvolve o seu trabalho. Do seu percurso constam exposições um pouco por todo o país, sobretudo na região norte, e também no estrangeiro, tendo exposto já em cidades como Nova Iorque, Milão, Porto Alegre, entre outras.

“Dismantle – to Dissipate” tem data prevista de encerramento a 14 de Setembro; até lá, todos os dias serão de entrada livre.