A cada bimestre o Gerador atribui um Juízo Gerador, um reconhecimento pelo trabalho que autores e entidades da cultura portuguesa têm feito. Por ano, atribuímos juízos a seis categorias diferentes: Ideia Luminosa, em janeiro, Os olhos também comem, em março, Se fosse a ti lia isto, em maio, Música para os meus ouvidos, em julho, Amor ao teatro em setembro e Herói Gerador em novembro.

A Enchufada é uma editora de discos independente criada em 2006 pelos músicos Branko, que é como quem diz João Barbosa, e Kalaf Ângelo, membros do icónico projecto Buraka Som Sistema. A Enchufada trabalha, desde início, com uma missão clara: a de promover a ligação de Portugal com os ritmos quentes de África e da América do Sul. A música eletrónica de dança é quem mais tem ganho com esta fusão de ritmos, impulsionada por nomes como os de Buraka Som Sistema mas hoje perpetuada por tantos e bons nomes que vão surgindo e que são apadrinhados pela editora.

Na categoria Música Para os Meus Ouvidos queremos elogiar aqueles que têm contribuído para o panorama musical português. A Enchufada tem sido uma referência na definição dos limites da estética da música portuguesa e, por isso mesmo, recebe este bimestre este nosso elogio.

Parabéns!

Sabe mais sobre os Juízos Gerador aqui.