Andreia Coutinho e Maribel Mendes Sobreira são o núcleo duro do Colectivo FACA, formado em 2019.

Este é um projecto de curadoria e cidadania activa que questiona as narrativas da cultura visual. O grupo pensa acerca das temáticas do feminismo, colonialismo, racismo, LGBTQI+ e não-normatividade em geral em espaços museológicos. Refletem sobre o facto de todas estas questões terem a mesma raiz, um preconceito em relação àquilo que não é igual a nós, fazendo-nos sentir ameaçados, ramificando-se em temas considerados marginais. O seu projeto surge de sentirem uma necessidade urgente recontar a História, uma vez que consideram que a narrativa predominante não coincide com narrativas individuais e colectivas que sempre foram desconsideradas. 

Trazem estas discussões para o debate cultural português contando com público especializado e não especializado. No seu trabalho, fazem também questão de trazer as margens para o centro do debate.  

A Andreia Coutinho e a Maribel Mendes Sobreira são as Profs. do workshop Ativismo Curatorial: para que serve?, onde poderás reflectir sobre como a arte e os espaços expositivos nos podem ajudar a entender melhor os tempos que vivemos.

Espreita aqui para descobrires mais informações sobre os cursos e workshops que temos disponíveis na Academia Gerador.