Inicia-se hoje, dia 9, o segundo dia do festival 3, em Amarante. O festival, que acontece em três dias, em três locais diferentes com três convidados de três áreas, propõe-se a questionar a cultura de dois em dois meses.

Ricardo Branco é o convidado do segundo dia da festa amarantina. O realizador vai apresentar duas curta-metragens da sua autoria: “Fora de Campo” e “Rute”, às 15h30, na sala Cinema Teixeira de Pascoes. A primeira trata-se de um documentário e a segunda recebeu uma menção especial do júri no Queer Lisboa 2017.

Ricardo Branco nasceu a 1992, justamente na cidade onde agora é convidado, Amarante. Em 2010 publicou o seu primeiro romance, “Amor Combate”, e em 2016 estreou a sua primeira curta-metragem, “1500 no BFI Flare”. O realizador trabalha agora em desenvolvimento de projetos e já desempenhou funções como assistente de realização, produtor, contador, escritor e investigador. É também criador e curador do festival cultural Escrever nas Margens.

Este sábado também marca a inauguração da feira de arte, música, literatura e artesanato, na sede Gatilho. Na Casa da Granja, vão estar em exibição as exposições de Eduardo Teixeira Pinto e de Miguel Louro.

O festival 3 termina amanhã, domingo, com o concerto de Captain Boy.

Texto por Gabriel Ribeiro
Fotografia via press de festival 3
O Gerador é parceiro do festival 3

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.