fbpx

andreia monteiro

Gargantas soltas 14.Mar.2021

Para ti, Mulher

Querida Mulher, Hoje quero escrever-te uma carta de amor. Sei que a nossa relação nem sempre foi fácil. Houve tempos em que te vi como fraca, outros em que tive…

Gargantas soltas 31.Jan.2021

Ensaio sobre a descultura

I A silhueta verde ganhou vida. Por alguns segundos, a agitação da metrópole congelou dando lugar aos passos errantes. Ao seu lado estava a mulher do casaco de peles, o…

Gargantas soltas 20.Dez.2020

Enquanto espero, não encontro

VLADIMIR: E então, o que é que fazemos?ESTRAGON: Deixa estar. O melhor é não fazermos nada. É mais seguro.VLADIMIR: Vamos esperar para ver o que é que ele diz. [...]…

Gargantas soltas 22.Nov.2020

Perguntas, para que vos quero?

“Também se diz que o jejum desperta o cérebro e lhe dá asas — desde que, claro, não se prolongue até onde as asas (que são máquinas de voar) já…

Gargantas soltas 27.Set.2020

A vida engoliu-nos

Setembro foi o mês em que colecionei mais um dia inesquecível. Ou deverei dizer, noite? No passado dia 5 de setembro fui, como resposta ao desafio de uma amiga, à…

Gargantas soltas 2.Ago.2020

O jornalismo não é um trabalho de isolamento

Quando se imagina a esfera do trabalho jornalístico é provável que surjam imagens como a de um jornalista na rua de gravador em punho a fazer uma entrevista, ou numa…

Gargantas soltas 7.Jun.2020

O lugar do espectador

O regresso aos palcos estava à espreita com a iminência da abertura das portas das salas de espetáculo, prevista para dia 1 de junho. Com o anúncio do concerto do…

{"cart_token":"","hash":"","cart_data":""}
X
X