“Educação: Amor e Missão!” é o nome do mural criado por Guel Do It que pode ser visto no Colégio Internato Claret, em Vila Nova de Gaia.

Miguel Mazeda, mais conhecido como Guel Do It, no universo da arte urbana, voltou à escola onde outrora foi estudante para criar uma homenagem a todos aqueles que trabalham no setor da educação. Inspirado no fundador da Congregação dos Missionários do Coração de Maria – Missionários Claretianos, Santo António Maria Claret, e na ideia da educação como forma de amor e missão, o mural “Educação: Amor e Missão!”, centra-se nas pessoas, na sua identidade, papel na sociedade e ambições.

“Voltei a casa 8 anos depois de ter terminado o ensino secundário para contribuir com aquilo que melhor sei fazer. Através do meu trabalho, tentei retribuir um pouco de tudo o que me foi dado nesta instituição. Trabalho esse que tenho vindo a desenvolver ao longo de 10 anos, com altos e baixos, com dúvidas e certezas, com atitudes certas e erradas, mas sempre com um sonho e valores na intenção de o fazer.” conta o artista que demorou 25 dias a produzir esta homenagem, com cerca de 300 metros quadrados pintados a spray.

Aos 25 anos, e considerado pela NiT, pela Media Capital Digital e pela Santa Casa da Misericórdia de Lisboa um dos 10 maiores talentos de Portugal, Guel Do It tem procurado ser o braço direito de associações que prestam apoio à população, ao ajudar na supressão de necessidades básicas. Um dos exemplos é a Associação HELPO com quem colaborou na reabilitação do empreendimento de Habitação Social das Saibreiras, em Ermesinde, ao produzir um mural no polidesportivo com o grupo de jovens que integra o projeto “Saibreiras: Pintar o Futuro”. A Casa do Caminho, uma associação que acolhe, cuida e protege crianças em perigo, na Senhora da Hora (Matosinhos), é também paragem recorrente para Guel.

O trabalho de Guel pode ainda ser visto no município de Leiria, num mural com mais de 200 metros quadrados que marca a chegada da Final Four, da Allianz Cup, à cidade; no Museu Maria Adelaide; em Vila Nova de Gaia, num mural com aproximadamente 500 metros quadrados, em plena Avenida da República, no âmbito da comemoração das 1000 edições do Jornal O Gaiense, e ainda, na mesma cidade, numa homenagem com mais de 200 metros quadrados aos profissionais de saúde no Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia.

Texto de Patrícia Nogueira
Fotografias de Guel Do It

Se queres ler mais notícias sobre cultura em Portugal, clica aqui.