Esta semana estivemos à conversa com Sara Antónia Matos, curadora da exposição “Mais nada se move em cima do papel”, patente no CAA - Centro de Artes de Águeda, até 18 de abril do próximo ano.

Enquadrada no ciclo "O Desenho como Pensamento", esta mostra adopta para título o primeiro verso de um poema de Al Berto e reúne obras de artistas que, ao longo dos anos, nos seus percursos e linguagens próprias, têm trabalhado o desenho como um registo indisciplinado, em alguns casos transversal às suas práticas. Entre eles estão Alberto Carneiro, Ângela Ferreira, António Bolota, Fernanda Fragateiro, Joana Escoval, Julião Sarmento, Júlio Pomar e Rui Chafes.

Descobre esta entrevista aqui:

Jornalista: Flávia Brito
Edição de vídeo: Susana Maciel
Sara Antónia Matos