fbpx
Apoia o Gerador na construção de uma sociedade mais criativa, crítica e participativa. Descobre aqui como.

50 Abris: diferentes retratos da liberdade precisam de apoio para sair em livro

Truz Truz Editora lançou campanha de angariação de fundos para a produção e edição de novo livro com textos e ilustrações de uma centena de autores

Texto de Sofia Craveiro

Fotografia de Chay Tessari via Unsplash

Apoia o Gerador na construção de uma sociedade mais criativa, crítica e participativa. Descobre aqui como.

Uma nova obra literária, pensada para reunir diferentes perspetivas sobre a Revolução dos Cravos, está a um passo de se tornar uma realidade palpável.

Em 2023, a Truz Truz Editora desafiou meia centena de personalidades a escrever uma história sobre liberdade, que pudesse de alguma forma retratar as vozes de “pessoas pouco ouvidas e que habitam o país agora”.

Para isso, a editora organizou encontros literários, onde juntou cada um(a) dos(as) dos 50 autores(as) convidados(as) a um grupo de utentes de uma das 28 associações sociais do Grande Porto participantes do projeto. O leque inclui coletivos que trabalham com diferentes pessoas —  desde crianças a idosos, portuguesas, imigrantes e refugiadas — bem como diversas problemáticas e causas — situação de sem abrigo, prostituição, deficiências físicas e cognitivas, LGBTQIA+, educação e desenvolvimento social de grupos marginalizados, entre outras.

Cada encontro literário teve como objetivo fomentar o diálogo sobre a grande conquista de Abril: a liberdade. “É de uma importância extrema falarmos sobre ela, porque é preciso cultivá-la, e para isso é preciso memória”, diz Sara Duarte Brandão, coordenadora do projeto. “Começámos a pensar que seria interessante falar com pessoas sobre liberdade sem saber muito bem que pessoas seriam estas. Não procurávamos fazer um trabalho histórico (há quem o faça melhor) mas achámos que fazia sentido tentar um livro que partisse de histórias reais e aí surgiu a ideia: porque não perguntar a quem vive em Portugal o que interpreta por liberdade? Decidimos que queríamos ouvir vozes muito diferentes porque são elas que fazem o país”, explica a autora e fundadora da Truz Truz.

O resultado foi uma obra com textos que retratam diferentes noções, conceitos, imagens, histórias e vivências de liberdade, assinados pelos autores presentes na imagem abaixo.

Imagem cedida pela Truz Truz Editora

Além do trabalho literário, o livro conta ainda com o contributo de 50 ilustradores(as) que dão vida às histórias integradas na obra.

Agora só falta passar tudo para o papel.

Para que isso seja possível, a Truz Truz lançou uma campanha de angariação de fundos, na plataforma PPL. O objetivo é conseguir 4 mil euros, que serão aplicados na produção e edição impressa do livro intitulado 50 Abris. “Queremos oferecer um livro a toda a gente que o integra, mas também o queremos vender e fazer circular pelo país. O crowdfunding é uma forma das pessoas nos ajudarem nesta aventura sem nunca saírem de mãos a abanar”, explica Sara Duarte Brandão.

“Se eventualmente o projeto der lucro, o que nos parece pouco provável, decidimos dividi-lo equitativamente por todas as associações que integram o livro 50 Abris”, acrescenta a responsável.

Imagem cedida pela Truz Truz Editora

Fundada em 2020 no Porto, a Truz Truz é uma editora independente que tem vindo a desenvolver “projetos de literatura infantojuvenil que valorizam de igual modo o texto e as ilustrações”. Até agora, quatro obras foram publicadas com a sua chancela. Uma dessas obras integra o Plano Nacional de Leitura 2027 e conquistou uma menção honrosa no Prémio António Torrado de Literatura Infantojuvenil.

Se este artigo te interessou vale a pena espreitares estes também

21 Maio 2024

Mulheres na política: movimento cívico quer subir o limiar da paridade para 50%

15 Maio 2024

No IndieLisboa 2024 o “olhar atento e urgente sobre o mundo” ecoa em todos os filmes

14 Maio 2024

António Sampaio da Nóvoa: “a melhor política educativa é a valorização daquilo que já se faz”

7 Maio 2024

Festival Mental está de volta a Lisboa para a sua 8.ª edição

30 Abril 2024

Flávio Almada: “Devemos recusar a geografia do medo”

16 Abril 2024

‘Psiquiatria Lenta’: Crónicas de João G. Pereira no Gerador editadas em livro

9 Abril 2024

Fernando Dacosta: “Baixou-se o nível das coisas que fomenta a infantilização das pessoas”

3 Abril 2024

Festival Bons Sons convida o público a viver a aldeia em toda a sua diversidade

2 Abril 2024

Mariana Vieira da Silva: Marcelo “será visto como alguém que contribuiu para a instabilidade”

26 Março 2024

Diana Andringa: “o jornalismo está a colaborar na criação de sociedades antidemocráticas”

Academia: cursos originais com especialistas de referência

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Iniciação à Língua Gestual Portuguesa [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Comunicação Cultural [online e presencial]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Práticas de Escrita [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Jornalismo e Crítica Musical [online ou presencial]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Narrativas animadas – iniciação à animação de personagens [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Viver, trabalhar e investir no interior [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

O Parlamento Europeu: funções, composição e desafios [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Iniciação ao vídeo – filma, corta e edita [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Introdução à Produção Musical para Audiovisuais [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Fundos Europeus para as Artes e Cultura I – da Ideia ao Projeto

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Planeamento na Comunicação Digital: da estratégia à execução [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Pensamento Crítico [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Planeamento na Produção de Eventos Culturais [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Soluções Criativas para Gestão de Organizações e Projetos [online]

Duração: 15h

Formato: Online

Investigações: conhece as nossas principais reportagens, feitas de jornalismo lento

22 ABRIL 2024

A Madrinha: a correspondente que “marchou” na retaguarda da guerra

Ao longo de 15 anos, a troca de cartas integrava uma estratégia muito clara: legitimar a guerra. Mais conhecidas por madrinhas, alimentaram um programa oficioso, que partiu de um conceito apropriado pelo Estado Novo: mulheres a integrar o esforço nacional ao se corresponderem com militares na frente de combate.

1 ABRIL 2024

Abuso de poder no ensino superior em Portugal

As práticas de assédio moral e sexual são uma realidade conhecida dos estudantes, investigadores, docentes e quadros técnicos do ensino superior. Nos próximos meses lançamos a investigação Abuso de Poder no Ensino Superior, um trabalho jornalístico onde procuramos compreender as múltiplas dimensões de um problema estrutural.

A tua lista de compras0
O teu carrinho está vazio.
0