A longa-metragem de Carlos Martínez-Peñalver escolheu a Serra da Estrela como cenário e a população local como os atores que a protagonizam. A rodagem do filme que explora a lenda do pastor e da Estrela inicia-se em abril, passando pelos concelhos da Covilhã, Gouveia e Seia.

O realizador galego não resistiu à região e, por isso, decidiu abraçar a lenda e a tradição local ao desenvolver uma jornada que atravessa as paisagens da montanha mais alta de Portugal, enquanto o protagonista descobre as pessoas que vivem no território.

A longa-metragem conta a história de um jovem cartógrafo sonoro que chega à região para ouvir a montanha "em estado puro no ponto mais alto de Portugal" é o ponto de partida. Xoel, o protagonista da história, aceita um trabalho na reconstrução de umas das antigas rotas de transumância e, é então que o cartógrafo o leva a conhecer diversas pessoas: Zé Maria, um fervoroso ativista da região, alguns pastores que ainda exercem o ofício e alguns dos residentes locais, com quem partilha momentos e conversas.

Desde o início do mês de março que Carlos se encontra na região a preparar o filme e a trabalhar com algumas das pessoas que foram selecionadas em castings locais para participar no filme. Esta iniciativa permite dar genuinidade ao projeto do realizador que defende a autenticidade e o trabalho local, " trabalhar com as gente da região confere uma autenticidade ao projectão. É um trabalho árduo, mas muito compensador e emotivo, as pessoas estão muito envolvidas, e vai ser muito lindo filmar com elas", afirma em comunicado.

A longa-metragem conta com a produção local da Maria Zimbro, que acolheu o projeto de forma a dar a conhecer não só as paisagens ímpares, daquela que é a maior Serra portuguesa, mas também mostrar algumas das vivências ligadas ao património imaterial da Beira Interior, preservando a sua memória.

O jovem realizador assina a sua primeira longa-metragem em território português, depois de trabalhar com diversos nomes, em Espanham como Oliver Laxe.

Texto de Patrícia Silva
Fotografia via Unsplash

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.