Inaugurada a 16 de Outubro, a exposição A E I O U: Os Espacialistas em Pro(ex)cesso, com coordenação de Ana Rito e José Maçãs de Carvalho e curadoria dos estudantes de Mestrado em Estudos Curatoriais do Colégio das Artes da Universidade de Coimbra, permanecerá na galeia da instituição até dia 31 de Janeiro. Os Espacialistas são um colectivo transdisciplinar, iniciado em 2008, onde a arte, a arquitectura e a educação, propõem-se resignificar espaços e objectos quotidianos, questionando e abrindo-os, sobretudo, a partir da fotografia.

"Do contacto direto entre artistas convidados, alunos, docentes e comunidade em geral, surge a oportunidade de desenvolver projetos coletivamente desenhados onde predominam os conceitos de educação, arte, ação e experimentação. O espaço expositivo e a sala de aula fundem-se para que a aprendizagem se estenda e deambule pelas diversas áreas de conhecimento promovidas pela experiência in situ", lemos no comunicado de imprensa.

Este projecto, desenvolvido em parceria com o Teatro Académico Gil Vicente, propõe uma relação híbrida e fluída com a Universidade de Coimbra, os seus gestos, palavras, objectos e espaços. "Um abecedário é aqui, e agora, construído e espacializado enquanto habitat do conhecimento e, por isso, cada sala corresponde a uma vogal que por si só constitui o primeiro processo de aprendizagem linguística. Partindo da ideia de tábula rasa do conhecimento que é moldável, a exposição A E I O U: Os Espacialistas em Pro(ex)cesso é a materialização de um desdobrar de possibilidades infinitas que enaltecem a educação e a transdisciplinaridade que é capaz de o/fender outras áreas do conhecimento a partir do ato de (re)fazer. É uma espécie de jogo à escala do espaço, do corpo e da linguagem onde a (re)dimensão objetual nos transporta para a (re)criação que, muitas vezes excessiva, torna o objeto capaz de se emancipar ao ponto de transladar da escala de uma mão à escala de elemento arquitetónico habitável", continua.

Para além da exposição, esta iniciativa assumirá a forma de residências artísticas, realizadas pelos estudantes do Departamento de Arquitectura da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra e de Estudos Artísticos da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, ao longo da semana de montagem. Após a visita ao L.AR, Laboratório de Arquitectura e Arte – Laboratório Espacialista, o processo de investigação desenrolar-se-á "com o intuito de tornar lúdico, e presente, o processo de espacialização da palavra e do gesto."

Será possível realizar visitas guiadas, destinadas ao público em geral, às terças -feiras, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 17h00, bem como temáticas, com oficinas artísticas para a comunidade juvenil e escolar, às quartas-feiras, no mesmo horário. Para te inscreveres, podes enviar um e-mail para laboratório.curadoria@gmail.com.

Texto de Raquel Botelho Rodrigues

Cartaz cedido pela assessoria de imprensa do Colégio das Artes