De 1 a 12 de Setembro, entre o Teatro Nacional D. Maria II e o Teatro São Luiz, A vida vai engolir-nos. A peça, com direção artística de Tónan Quito, “consiste na adaptação e montagem de quatro das principais peças de Anton Tchékhov: A Gaivota, O Tio Vânia, Três Irmãs e O Ginjal.”

“Em todas estas peças somos confrontados com uma questão que perseguia Tchékhov: Como será a humanidade no futuro? Através da insatisfação e da impotência das suas personagens, abre-se então a possibilidade para se pensar o absurdo da vida”, lê-se na sinopse.

Esta peça será apresentada em dois formatos. Cabe ao público escolher. “A vida vai engolir-vos divide-se em duas partes com cerca de quatro horas cada, sendo uma apresentada no D. Maria II e a outra no São Luiz. Aos sábados, o público é desafiado a participar numa experiência ímpar: passar uma noite entre os dois teatros, assistindo às duas partes do espetáculo de uma só vez. Estas maratonas, terão início às 19h no São Luiz e terminarão às 6h do dia seguinte, no D. Maria II, período durante o qual terão lugar intervalos e serão servidas duas refeições”, continua.

Sabe mais aqui.

Texto de Raquel Botelho Rodrigues

Fotografia de Rob Laughter, via Unsplash