Para o ano de 2020, a Galeria NAVE tem a curadoria de Mercedes Cerón, que quer trazer nomes da arte contemporânea nacional e internacional. Começando com uma artista plástica portuguesa, Teresa Murta apresenta a exposição Absurdo.

Em exibição entre os dias 5 de março e 4 de abril, Absurdo marca o regresso de Teresa Murta à Galeria NAVE e determina um passo importante na carreira da artista, que verá o seu trabalho internacionalizado ainda durante 2020, numa exposição em Madrid. “O trabalho exposto em ‘Absurdo’ talvez seja a transição mais eloquente da carreira de Teresa Murta. Por absurdo talvez seja, porque é o mais emotivo, e o mais comovedor. Quando começamos a abrir os olhos para o visível, há muito que já estávamos pegados ao invisível – assim diria o poeta D’Annunzio”, lê-se no comunicado de imprensa.

“A obra de Teresa Murta prima por uma vivacidade de uma não-realidade, de um universo do que não é, nem está, e que desenvolve através da liberdade do seu traço diretamente na tela, sem esboço ou roteiro pré concebido, numa sinfonia sensorial emprenhada pelo surrealismo onde o sonho predomina”. Neste seguimento, ao longos dos quatro anos mais recentes, a artista plástica desenvolveu um trabalho que reflete sobre o pensamento e sobra obra escrita de Gaston Bachelard, através do estímulo às referências inconscientes do espectador.

Teresa Murta é o nome artístico de Teresa Costa Gomes, nascida em Lisboa em 1993. Estudou na ESAD.cr – Escola Superior de Artes e Design das Caldas da Rainha, onde concluiu a Licenciatura em Artes Plásticas. É autora das exposições individuais “Rock. My World.”(ArtRoom, 2019), “In>side<Out” (Galeria Wozen, 2017), “Mundo Plano” (Palácio Chiado, 2016) e das exposições colectivas “ARTFEM – Mulheres Artistas” (1ª Bienal Internacional de mulheres artistas de Macau, 2018), “Universo Surreal – Entre o Delírio e o Absurdo” (Galeria Wozen, 2016) e “LISBOA 13.2 NE 1/500000” (Centro Cultural do Cartaxo, 2015).

A exposição Absurdo poderá ser visitada de segunda a sexta, entre as 12h00 e as 19h00, e aos sábados, entre as 15h00 e as 19h00. A Galeria NAVE, que promove a exposição de combinações artísticas contemporâneas e multidisciplinares num enquadramento de autor, incluídas no panorama nacional e internacional, fica no Príncipe Real, em Lisboa.

Texto de Rita Dias
Fotografia via press release

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.