O Auditório de Espinho anunciou a nova programação com concertos até ao mês de dezembro. Conta com a presença de artistas como Três Tristes Tigres, Ricardo Toscano, Frankie Chavez e Joep Bevin.

A sala de espetáculos, gerida pela Academia e Escola Profissional de Música de Espinho, apresenta no total 11 concertos. Após o cancelamento devido à Covid-19, voltam para pisar o palco do Auditório intercalados com os concertos já anunciados para a edição de 2020 do FIME – Festival Internacional de Música de Espinho.

André Gomes, programador do auditório reconhece que “Neste momento de enorme incerteza, é imperativo dar este sinal de força e voltar a programar, ainda que, no essencial, quase tenhamos apenas reagendado espetáculos anteriormente cancelados", explica à Lusa.

O Auditório irá abranger diferentes géneros, partindo do alternativo dos Três Tristes Tigres, a 9 de outubro, para a “estreia absoluta do novo disco de originais” de Ana Deus e Alexandre Soares no mesmo dia, segundo André afirma à Lusa.

No 16 de outubro, o espanhol Chano Dominguez e o brasileiro Hamilton de Holanda juntam-se no piano e no bandolim. Os dois artistas prestarão tributo a Paco de Lucia e Baden Powell.

André Gomes partilha ainda que o projeto "Miramar", de Frankie Chavez e Peixe estará presente a 24 de outubro, no qual o Folk e o Indie “se difundem num trabalho comum com a guitarra”.

Joep Beving, artista holandês, será outro dos nomes presentes no cartaz do Auditório a 14 de novembro, no qual apresentará o álbum "Henosis".

A programação reserva ainda um concerto pelo quarteto do saxofonista Ricardo Toscano, a 4 de dezembro, no qual a performance será dedicada a John Coltrane.

Todas essas iniciativas vão seguir as restrições impostas pela Direção-Geral da Saúde. No caso dos espetáculos, a reserva prévia de bilhetes obrigará ao pagamento no prazo máximo de 48 horas, presencialmente ou por transferência bancária.

Podes consultar mais informações sobre a programação aqui.

Texto de Patrícia Silva e Lusa
Fotografia de Oscar Keys via Unsplash

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.