Após dois anos de interregno, o festival Azeméis Seasons Sounds regressa a Oliveira de Azeméis no próximo mês de novembro e expressa toda a alegria de um regresso aos festivais de música pós-pandémicos.

O programa de dia 20 de novembro, que terá lugar n’O Cinema, começa “com as melodias imersivas dos Bluish, duo lisboeta que lançou o seu primeiro EP no final de 2018, On Our Own. Entre sintetizadores vindos diretamente das profundezas dos nossos sonhos e guitarras melancólicas, a banda de dream pop promete envolver o público numa experiência extrassensorial”, segundo comunicado enviado pela organização.

Posteriormente, o evento terá a presença da banda Time for T., que une membros das mais diversas nacionalidades e vem apresentar o seu álbum Galavanting. “A pièce de résistance será conduzida pelas batidas e ritmos dos First Breath After Coma, que literalmente nos irão dar uma lufada de ar fresco após um coma cultural induzido” lê-se na mesma nota.

Além da música, também as artes plásticas estarão presentes sob a forma de uma oficina dirigida pelo Ilustrador e autor português Mantraste. O artista é “um amante do misticismo popular e conta com mais de uma centena de capas desenhadas para autores como J.G. Ballard, Ali Smith e Michel Rio entre outros”, diz a organização.

Seguindo a tradição de apoio a causas sociais, estarão à venda tote bags solidárias em parceria com a designer Beatriz Freitas. As receitas angariadas serão doadas a uma associação de saúde mental.

O Azeméis Seasons Sounds é promovido pela Associação Agir Fora da Caixa e o Conselho da Juventude da Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis.

A organização, alerta ainda para a necessidade de cumprimento das normas estabelecidas pela Direção Geral da Saúde, nomeadamente “o uso de máscara de forma adequada no interior do recinto”, assim como “o distanciamento físico e a higienização das mãos”.

Texto por Sofia Craveiro
Fotografia de Marcus Neto via Unsplash

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.