O programa Backoffice consiste numa série de visitas de estudo a ateliers de arquitetura, para que estudantes universitários possam formar uma ideia sobre o ambiente profissional que, eventualmente, os espera. A próxima edição desenrolar-se-á nos dias 3, 4 e 5 de Fevereiro de 2020.

O Backoffice já vai na segunda edição (a primeira foi em 2016). Ao todo, serão visitados 16 ateliers de arquitectura portugueses com elevada influencia no país, conforme se pode ler em comunicado.

O roteiro pelos ateliers é organizado por João Caria Lopes, Rodolfo Reis e Nacy Boleto, cingindo-se às cidades de Lisboa e do Porto. Pretende-se que estudantes universitários de Arquitectura tenham um contacto directo com os arquitectos, as equipas, e com as suas formas de pensamento e criação.

O evento inclui uma homenagem póstuma ao arquitecto Graça Dias. Além disso, conta com a colaboração do arquitecto Egas Vieira. Na presente edição serão visitados os ateliers DATA, Pedro Machado Costa, Ventura Trindade, Site Specific, PLCO, Manuel Aires Mateus, Contemporâea de Manuel Graça Dias e Egas Vieira, BASE, CVDB – Cristina Veríssimo e Diogo Burnay, Inês Lobo, Promontório, Álvaro Siza Vieira (a confirmar), Correia Ragazzi, Paula Santos, OODA e AND-RÉ.

A participação no Backoffice faz-se mediante inscrição. Para aqueles que se inscrevem antes de 20 de novembro de 2019, o preço é 90€. Depois dessa data o preço é 110€. A data limite para as inscrições é 15 de Janeiro de 2020.

Para saberes mais sobre as inscrições clica aqui.

Cartaz do Backoffice 2020

Bios dos curadores

João Caria Lopes: Licenciado em Arquitectura no ano de 2005 pela Universidade Autónoma de Lisboa. Estagiou e colaborou, de 2003 a 2008, no atelier de Manuel Aires Mateus e colaborou com o atelier Contemporânea de Manuel Graça Dias e Egas Vieira. Fixou atelier próprio em 2008, atelier BASE, em colaboração com o arquitecto Carlos Lemos Sequeira. De 2009 a 2011 lecionou como professor assistente da disciplina de Projecto I e II na UAL. Desde 2011 é co-director da revista ESTUDOPRÉVIO do CEACTUAL. Entre 2014 e 2016 é doutorando em Arquitetura dos Territórios Metropolitanos Contemporâneos e em simultâneo, ganha uma Bolsa Interna para Alunos do 3ºciclo para leccionar a disciplina de Arquitetura III e IV, 2ºano, no ISCTE-IUL, em parceria com a arquitecta Helena Botelho. Tem colaborado e coordenado vários projectos culturais, conferências e exposições.

Rodolfo Reis: Arquitecto pela FA-ULisboa e Facolta di Architettura Roma Tre. Mestre em construção e reabilitação pelo IST-ULisboa, com especialização em conservação e salvaguarda do património arquitectónico. Colaborou com as arquitectas Catarina e Rita Almada Negreiros (2005) e com Carlos Ferrater, em Bacelona (2006-2009), integrando deste 2009 o atelier CVDB arquitectos, coordenador e arquitecto associado desde 2012, onde tem desenvolvido vários projectos em co-autoria. O seu trabalho tem sido premiado e exibido nacional e internacionalmente.

Nancy Boleto: Aluna do 5ºano do Mestrado Integrado em Arquitetura no ISCTE-IUL, bolseira da Gulbenkian, formação no âmbito da inteligência emocional e participação em atividades de mentoria e vários seminários de especialização: Projeto sustentável: vazios urbanos em Lisboa (2018) e Tecnopolíticas para a regeneração urbana – co-criação de espaços públicos (2019), além de Construir no sul (2016), no qual também participou.

Texto de Maria Costa

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.