Boni Bonitade Daniel Barosa, é um dos destaques da programação do Guiões - Festival do Roteiro de Língua Portuguesa, que se realizará de 11 a 13 de Março, intenerando entre o Cinema São Jorge, a Cinemateca Portuguesa e a Universidade Lusófona. Boni Bonita habitará a Cinemateca, pelas 19h00 do dia 11.

A celebração da escrita cinematográfica em Língua Portuguesa conta com um programa diverso, desde as tradicionais sessões de pitching dos guiões finalistas, e a respectiva premiação, debates, masterclasses, bem como exibições de filmes. Entre estas, encontra-se Boni Bonita, que no ano passado, na 10ª edição do Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa (FESTin), recebeu uma menção honrosa do júri.

Boni Bonita leva-nos à história de uma jovem argentina, Beatriz, de 16 anos, que, após a morte da mãe, procura um novo país para recomeçar, o Brasil. Num concerto, sente-se atraída por um músico, Rogério, com 40 anos de idade, aproximadamente, que aspira sair da sombra do seu avô, um dos maiores cantores da década de 80. Surge uma relação amorosa "dando voltas na busca da forma perfeita, mas a cada volta, tornando-se mais deformada", como se lê na sinopse do filme.

O filme marca a estreia do diretor em longas-metragens. Trata-se de uma coprodução Brasil e Argentina, entre a Nimboo’s e a Werner Cine. Foi filmado ao longo de três anos e estreou em 2018, no Festival Internacional de Cine de Mar del Plata, na Argentina. O elenco conta com Ailín Salas, Caco Ciocler, Ney Matogrosso e Daniela Dams.

Trailer de Boni Bonita

Se quiseres saber mais sobre o programa completo do Festival, clica aqui.

Texto de Raquel Botelho Rodrigues
Cartaz cedido por Guiões
O Gerador é parceiro de Guiões