O calendário marcava o ano de 2014 quando o Festival Vaudeville Rendez-Vous ganhou vida. Em 2019, na sua sexta edição, “transforma um triângulo num quadrilátero” e apresenta espetáculos nas cidades de Braga, Famalicão, Guimarães e Barcelos. De 24 a 27 de julho o circo contemporâneo e as artes de rua fazem-se à estrada — e atenção, “não é ilusionismo nem um truque de malabarismo”, é o Vaudeville Rendez-Vous a expandir território.

Durante quatro dias haverá programação a decorrer simultaneamente a decorrer nestas quatro cidades. No total são 40 atividades públicas, que contam com 28 apresentações dos 13 espetáculos programados — dentro dos quais estão 3 estreias absolutas e 6 nacionais — e ainda atividades paralelas que incluem 3 oficinas de formação para o público em geral, 1 laboratório de criação para circo contemporâneo para estudantes e profissionais das artes performativas, 1 showcase para programados nacionais e internacionais, e ainda 1 debate sobre as redes de cooperação artística. 

 

Este ano o festival acrescenta mais uma cidade na programação

Num texto assinado por Bruno Martins, diretor artístico e programador do festival, é destacada a diversidade presente na edição deste ano. O diretor artístico destaca “um programa rico em latitudes e por uma renovada abordagem trazida ao circo contemporâneo”, recebendo pela primeira vez a companhia de acrobatas australianos Gravity&Other Myths, que irá abrir o festival com o espetáculo A Simple Space, bem como o espetáculo Sigma da companhia inglesa Gandidni, “que confirma a ideia de que o Brexit não é senão um grande equívoco”.

De destacar nesta edição do Festival Vaudeville Rendez-Vous é também o espetáculo em estreia absoluta Fábrica da Mentira, resultado da bolsa de criação atribuída a Elvis Mendes, aluno finalista do INAC-Instituto Nacional de Artes do Circo, pelo Vaudeville Rendez-Vous.

O Vaudeville Rendez-Vous é um festival internacional de artes performativas dedicado ao universo do teatro físico, circo e cabaret. Surge em 2014 numa parceria entre o Teatro da Didascália e a Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, e expande-se para 3 cidades na 3ª edição — Braga, Guimarães e Vila Nova de Famalicão —, em 2016. Este ano ruma também a Barcelos, criando um marco naquela que já será a sexta edição. Podes saber mais sobre o Vaudeville Rendez-Vous, aqui

Texto de Carolina Franco
Fotografia de Vaudeville Rendez-Vous disponível via Facebook

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.