A Câmara Municipal de Lisboa assinala, 50 anos depois, a chegada dos primeiros artistas dos Coruchéus num lançamento online com três exposições, o lançamento de um site e a publicação de uma monografia numa programação que se estende até agosto de 2021.

As exposições terão lugar na biblioteca, no jardim dos coruchéus e nos edifícios dos ateliês com os nomes “Os Edifícios” , “O Lugar” e “Os Artistas”, sendo que o lançamento do site é dedicado ao conjunto dos Coruchéus e artistas e a monografia intitula-se “50 Anos 50 Ateliês Coruchéus”.

Junto ao palácio, o projeto dos edifícios surge, nos anos 60, da procura de espaços de trabalho pelos artistas plásticos da cidade, um complexo construído de raiz e desenhado por Fernando Peres Guimarães (1918-2016), um dos mais antigos membros da ordem dos arquitetos.

Para além dos eventos, entrevistas realizadas a 13 artistas serão disponibilizadas na Internet e, ao longo da programação será possível assistir a visitas mediadas, atividades educativas e conversas.

Alberto Carneiro, Ana Hatherly, António Palolo, Ernesto de Sousa, Fernando Calhau e Helena Almeida são algumas das referências que passaram pelo espaço.

Pode assistir ao lançamento do programa pelas 16h aqui

                                                Texto de Filipa Bossuet

                     Fotografias da cortesia da Câmara Municipal de Lisboa

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.