O Centro Nacional de Cibersegurança (CNCS) e a agência Lusa lançaram uma formação online gratuita para ajudar os portugueses a identificar e distinguir informação fidedigna de desinformação.

O curso e-learning é aberto a todos, sem limite de inscrições, e disponibiliza quatro módulos - "O que são fake news?", "Porquê combater as fake news?", "Como se identifica uma "notícia" falsa?" e "O que fazer para não ser cúmplice das fake news?". A formação gratuita vai estar disponível até 31 de março de 2021 e permite testar os conhecimentos aquiridos, com posterior emissão de certificado.

Lino Santos, o coordenado do CNCS, explica que a ideia de criar este curso surgiu em 2019, "ano em que tivemos três eleições em Portugal, as eleições europeias, as eleições legislativas e as eleições regionais, e também decorrente de uma recomendação da Comissão Europeia (CE) de combater a desinformação, que, de alguma forma, apontava como instrumento de combate às 'fake news' e fenómenos associados a aposta na literacia digital e no incremento da literacia mediática”.

De acordo com o diretor de Inovação e Novos Projetos da Lusa, Pedro Camacho, este curso online vai “ajudar as pessoas a distinguir informação jornalística do resto da informação”, bem como a  “perceberem se essa informação é uma informação credível, que está assente em fontes credíveis e que está assente em dados".

A inscrição pode ser feita aqui.

Texto de Bárbara Dixe Ramos
Fotografia via Pixabay