A Companhia Paulo Ribeiro – Associação Cultural, através de um protocolo estabelecido com a Câmara Municipal de Almada, vai criar a Casa da Dança de Almada. A assinatura desta parceria foi acordada no início deste mês em reunião com a autarquia.

“O projeto Casa da Dança de Almada nasce da necessidade de dotar o concelho de Almada de uma estrutura artística, centrada na dança contemporânea, nas suas mais diversas manifestações, com dois objetivos principais: garantir uma oferta de qualidade ao nível da programação de espetáculos de dança contemporânea e promover o ensino das diferentes modalidades de dança contemporânea”, refere a companhia através de comunicado.

Paulo Ribeiro é coreógrafo e bailarino com projeção internacional, detentor de um extenso currículo como diretor de companhias e estruturas de bailado (Teatro Viriato, Ballet Gulbenkian e Companhia Nacional de Bailado).

Em Almada, o coreógrafo irá assumir a criação desta Casa da Dança, onde se aposta no cruzamento de experiências entre coreógrafos e bailarinos com um percurso afirmado e jovens profissionais, contribuindo para a emergência e afirmação de novos talentos.

“A Casa da Dança quer ainda ser um lugar que se estende pela cidade, promovendo um contacto regular com a dança contemporânea e mecanismos de aprofundamento da relação dos cidadãos com a criação artística”, pode ler-se em comunicado.

A Companhia Paulo Ribeiro – Associação Cultural receberá 120 mil euros para a concretização, dinamização e programação deste projeto, a instalar no Ponto de Encontro, em Cacilhas.

Texto de Ricardo Ramos Gonçalves
Fotografia de Ahmad Odeh via Unsplash

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.