A Culturgest, em Lisboa, recebe, de 25 a 27 de Setembro, o ciclo de filmes e debates “Re-imaginar o Arquivo Pós-Colonial”, de entrada gratuita e concebido para fomentar a consciência crítica e o debate sobre práticas da imagem-arquivo na situação pós-colonial.

A iniciativa procura gerar uma maior consciência crítica em relação a certas representações estagnadas ou ausentes dos arquivos, potenciando o debate sobre modos de re-imaginação e abordagens éticas. Integrando propostas dos convidados, o ciclo é constituído por três sessões, que terão lugar no Pequeno Auditório da Culturgest e se destinam a investigadores, arquivistas, curadores, activistas e artistas participantes do workshop, mas também ao público geral.

A primeira sessão tem data marcada para o dia 25 de Setembro, às 21h30, sob o título «Reflexões/Refracções I: Re-Significar através da ‘Câmara Analítica”». Com moderação de Maria do Carmo Piçarra, a sessão apresenta “Dal Polo All’Equatore”, um filme de 1986 de Angela Ricci Lucchi e Yervant Gianikian. No dia 26 de Setembro, a partir das 21h30, na sessão “Reflexões/Refracções II: Olhar(es) e Memória(s) Através das Práticas Artísticas”, serão apresentados os filmes “Sad Song of Touha”, da egípcia Atteyat Al Abnoudy, “Un Carnaval en Guinée-Bissau”, da cineasta francesa Sarah Maldoror, “Préface à des Fusils Pour Banta”, do realizador da Guiana Francesa Mathieu Kleyebe Abonnenc, e “Uma Memória em Três Atos”, do moçambicano Inadelso Cossa. A sessão conta ainda com os participantes Inadelso Cossa, Maria do Carmo Piçarra e Tamer El Said.

No dia 27 de Setembro, o terceiro e último dia do ciclo, a partir das 18h30, a sessão “Reflexões/Refracções III: Projeções de Uma Luta Que Ainda Não Acabou” apresentará “Speel Reel”, um filme colectivo, colagem e ensaio de Filipa César, com Anita Fernandez, Flora Gomes, Sana Na N’Hada, entre outros. A sessão terá como apresentadores Filipa César e Sana Na N’Hada, com moderação de Nuno Lisboa.

A entrada para as sessões é gratuita, mas está sujeita à lotação e é feita mediante o levantamento do bilhete meia hora antes do início de cada sessão. Sabe mais sobre o programa no site da Culturgest.

Texto de Francisco Cambim
Cartaz de Francisco Vidal disponível via site da Culturgest

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.