O Centro Nacional de Cultura lança um curso online sobre os “ex-libris do Jazz”, partindo do primeiro disco onde este género está presente, que data de 1917. Este decorerrá às 3ªs e 5ªs feiras, das 18h às 18h30, entre 7 de Maio e 16 de Junho.

As sessões serão leccionadas por João Moreira dos Santos, autor de algumas obras sobre a história do Jazz e do programa «Jazz A2», transmitido na Antena 2, o qual foi distinguido com o Prémio Autores, da Sociedade Portuguesa de Autores, na categoria de «Melhor programa de rádio», criador do blogue Jazz no País do Improviso!, crítico do género e ex-colaborador do site norte-americano All About Jazz. O coordenador “propõe-se levar os participantes à descoberta de 12 discos unanimemente considerados ex-libris deste género musical. E há muito para contar, desde as estórias ligadas à gravação de cada álbum até à reacção dos músicos e da crítica especializada. Os autores de cada obra estarão também em evidência, assim como a sua eventual ligação a Portugal”, lê-se na apresentação.

Os conteúdos estão organizados na seguinte forma:

Sessão 01 – Miles Davis, “Kind of Blue” (1959)
Sessão 02 – Charlie Parker, “Jazz at Massey Hall” (1955)
Sessão 03 – Stan Getz e João Gilberto, “Getz/Gilberto” (1964)
Sessão 04 – Keith Jarrett, “The Koln Concert” (1975)
Sessão 05 – Charles Mingus, “Mingus Ah Um” (1959)
Sessão 06 – Dave Brubeck Quartet, “Time Out” (1959)
Sessão 07 – John Coltrane, “A Love Supreme” (1965)
Sessão 08 – Sonny Rollins. “Saxophone Colossus” (1957)
Sessão 09 – Count Basie, “The Atomic Basie” (1958)
Sessão 10 – Miles Davis, “My Funny Valentine” (1964)
Sessão 11 – Ella Fitzgerald, “Ella in Berlin” (1960)
Sessão 12 – Sarah Vaughan, “Sarah Vaughan” (1954)

As inscrições estão abertas. Para mais informações, clica aqui.

Texto de Raquel Botelho Rodrigues

Fotografia de Alberto Bigoni, via Unsplash