O Teatro Nacional D. Maria II, num iniciativa partilhada com o Grupo Ageas Portugal, celebrará o Dia Mundial da Criança, com uma programação online, que terá início pelas 11h00 e conta com um espetáculo, a leituras de histórias infantis e a uma sessão de poesia para crianças, integrada no Clube dos Poetas Vivos.

O O pai que se tornou mãe, que integra Estranhões & Bizarrocos: Estórias para Adormecer Anjos, de José Eduardo Agualusa, lida por Inês Vaz; e Parece um pássaro, de David Machado, interpretada por Pedro Russo, são as histórias que abrem a manhã, na Salinha Online. A primeira é uma incrível história de amor. ‘O fim talvez seja um pouco triste. Mas é sempre assim: as histórias de amor só são felizes quando não as contamos até ao fim’. Esta é a história de Mário e Maria, um casal de cavalos-marinhos que vivia no mar. E é a história de um pai que cria os seus filhos dentro da barriga e que dá à luz”. A segunda é “a história de uma criança que tem um chapéu muito original. Parece mesmo um pássaro… mas é um chapéu”, também se lê na apresentação.

O espectáculo Insuflável, uma criação e encenação de João de Brito, destinada a maiores de 6 anos, chegará, pelas 14h00, à Sala Online. Trata-se de “uma história que nos faz pensar sobre os sonhos e a imaginação. Podemos insuflar os nossos sonhos como quem enche um balão? E se os largarmos, será que voam? Onde vão parar?” Este também estará disponível em versão com interpretação em Língua Gestual Portuguesa.

A “Poesia para crianças” oferece-se à escuta pelas 17h00. A convite de Teresa Coutinho, Catarina Loureiro, Cláudia Gaiolas, Crista Alfaiate, Manuela Pedroso, Marco Paiva, Teresa Sobral, entre outros, lerão poemas dedicados ao público infantil. Esta sessão, uma parceria entre o TNDM II e a Casa Fernando Pessoa, será transmitida em directo, no Instagram do primeiro.

Texto de Raquel Botelho Rodrigues

Fotografia de Filipe Ferreira