No próximo domingo, dia 9 de Junho, entre as 11h e as 18h o Largo das Conchas recebe a Feira do Livro Independente. Aqui vais descobrir oito publicações cheias de qualidade que não chegam às grandes editoras mas que, neste dia, chegam à Central Gerador, o novo espaço do Gerador no Lumiar, em Lisboa.

Curioso por descobrir mais sobre cada um dos oito projectos?

Associação Oficina do Cego

Uma associação que junta pessoas que partilham o interesse pela utilização de técnicas de impressão, como a tipografia de caracteres móveis, a gravura e a serigrafia. A edição surge como uma consequência da missão desta associação que se centra na recuperação e ensino de técnicas artesanais de impressão e construção do livro.

Douda Correria

Nascida em 2013, a Douda Correria conta-nos que tem uma linha editorial muito ténue, tão ténue que quase não se vê. Uma linha que mais do que se ver pressente-se nos títulos que, por paixão, vai dando à estampa. No seu labirinto de afectos encontram-se autores de várias línguas, sendo que o que de mais belo há neles é a capacidade de inventarem a sua própria linguagem sem menosprezar a dos outros.

Editora Figura d'Urso

Uma editora literária experimental. Publicam autores inéditos em língua portuguesa e que piscam o olho a novos valores da escrita.

Editora Urutau

Uma micro-editora de literatura e artes visuais com um pé em Portugal, no Brasil e na Galiza.

GATAfunho

Uma editora de livros para famílias e para todas as idades. Os livros são a grande paixão desta pequena editora que tem também uma livraria em Oeiras onde divulgam o livro, aqueles que publicam mas não só e, ainda, a leitura.

(não) edições

Um projecto editorial independente fundado em 2013, em Lisboa, por João Concha. Dedica-se à publicação de poesia, desde livros de poemas, prosa poética, traduções ou escrita para performance. Valorizam o diálogo entre textos e materiais visuais, como desenhos, ilustrações e colagens.

Sapata Press

Um projeto editorial focado em banda desenhada de autores de países de língua portuguesa. Têm como grande objectivo lançar plataformas de produção de fanzines, livros, posters ou workshops que abram portas a mulheres e pessoas não binárias, independentemente da raça ou orientação sexual. Dão, acima de tudo, destaque a publicações com um cunho biográfico, político ou experimental.

Snob

A editora Snob nasceu e é indossociável da Livraria Snob, nascida em Guimarães e hoje presente em Lisboa. Cada livro nasce da relação directa e diária com os leitores e apresenta autores que os livreiros acreditam fazerem falta a esses mesmos leitores. A sua clara inclinação são livros de contos mas, na verdade, já publicou um pouco de tudo. Cada livro é um trabalho conjunto de tradutores, paginadores, revisores, ilustradores e autores próximos do universo Snob, que constroem com os editores o livro final.

De 31 de Maio a 30 de Junho celebramos os 5 anos do Gerador com um mês de programação na Central Gerador, o novo espaço do Gerador no Lumiar, em Lisboa. Sempre de quinta a domingo, das 12h às 24h, com cinema, conversas, exposições, poesia, dj sets ou mesmo feiras que invadem o incrível Largo das Conchas. Aos domingos, entre as 11h e as 18h, o Largo das Conchas recebe uma feira dedicada a um tema diferente. A entrada para todas as iniciativas é livre.

As próximas feiras na Central Gerador

16 de Junho | Feira da música
Desafiámos coleccionadores de vinis, lojas de música, de instrumentos musicais e não só a marcarem presença num mercadinho que elogia a arte sonora.

23 de Junho | Feira de ofícios
Os fazedores estão a contagiar o país inteiro e o vírus já chegou aqui. Desde os ofícios mais tradicionais até aos mais modernos, para um domingo criativo.

30 de Junho | Feira de fotografia
Provocámos uma mão cheia de fotógrafos que admiramos a terem a sua banca e juntámos quem sabe de máquinas fotográficas analógicas, de revelação e de tudo o mais, numa feira que vai dar das vistas.

Onde fica a Central Gerador?

A entrada faz-se pela Rua Luis Pastor de Macedo, nas traseiras do edifício da Junta de Freguesia do Lumiar, pelo portão verde que estará aberto. A Central Gerador fica no Largo das Conchas, Casa da Cidadania, nº 5, Lumiar (Lisboa).

Créditos - Foto de Andreia Mayer