"Diário de Pilar na Grécia", da escritora brasileira Flavia Lins e Silva, foi transformada numa peça de teatro. Miriam Freeland e Roberto Bomtempo trazem a peça até Portugal, para uma digressão que começa no Teatro Independente de Oeiras, no dia 5 de fevereiro.

Com mais de duzentos mil livros vendidos no mundo inteiro, a série "Diário de Pilar", da escritora Flávia Lins Silva, já chegou a 600 mil leitores, tem nove edições publicadas e foi traduzida em seis línguas. O sucesso da história da aventureira Pilar, levou a que, em 2020, os livros passassem para a televisão - em formato de animação - transmitindo a série para toda a América Latina, através dos canais Nat Geo Kids, Fox e Disney. O fenómeno acabou por chegar à luz dos palcos através de um projeto infanto-juvenil da Movimento Carioca, a produtora brasileira dos atores Miriam Freeland e Roberto Bomtempo, que também dão vida às personagens.

O "Diário de Pilar na Grécia" conta a aventura de uma menina "esperta, aventureira e corajosa, criada pela mãe e pelo avô", que desta vez se aventura pela Grécia em busca do avô Pedro - quem sempre estimulou o seu pela leitura, a imaginação e o amor pelo mundo e suas culturas -, mas não vai sozinha, leva consigo o gato Samba, Breno, o seu melhor amigo, e a sua nova amiga grega, Helena. Nesta aventura os quatro cruzam-se com deuses e heróis e ficam a saber mais sobre o início da civilização e os seus mitos.

A peça, adaptada e encenada por Symone Strobel, junta Miriam Freeland, Roberto Bomtempo, Sara Teixeira, Lucas Lins e Silva, Gonçalo Lima, Diana Herzog e Mariana Goldani Rosa para interpretarem e cantarem (ao som da música de Kleiton & Kedir) a viagem de uma personagem que é a representação das meninas curiosas, espertas e aventureiras que se deixam encantar pelo mundo e a magia que nele existe, numa lição não só sobre a História da Civilização, deuses e heróis, mas também sobre amizade, as dores, delícias e mistérios da vida.

No Brasil, "Diário de Pilar na Grécia" já recebeu os prémios de Melhor Espetáculo, Melhor Texto Adaptado, Melhor Atriz e Melhor Ator do CBTIJ (Centro Brasileiro de Teatro para a Infância e Juventude) e de Melhor Espetáculo, Melhor Atriz e Melhor Ator do Botequim Cultural, num total de 15 indicações - "O Diário de Pilar na Grécia tornou-se um grande sucesso, tanto literário quanto teatral porque carrega, na sua essência, muita delicadeza e sensibilidade. É um espetáculo que ensina e que emociona pessoas de qualquer idade" – diz Miriam Freeland.

Em Portugal, o Teatro Independente de Oeiras (também coprodutor) é o primeiro a receber esta adaptação. A peça pode ser vista de 5 de fevereiro a 27 de março, aos sábados e domingos, pelas 15h30. As sessões cumprem todas as normas de segurança sugeridas pela DGS e os bilhetes já estão à venda na Ticketline.

Texto de Patrícia
Fotografia de Guga Melgar

Se queres ler mais notícias, clica aqui.