Os teatros Nacional de S. João, do Porto, o D. Maria II, o S. Luiz e o Teatro do Bairro, em Lisboa, abrem as suas portas através do online e transmitem as peças em cartaz.

A partir de dia 29 de janeiro, pelas 10h00 a performance Sons Mentirosos Misteriosos está disponível on demand na plataforma BOL. A peça de Sofia Dias & Vítor Roriz dedicada às crianças é a proposta online do teatro Nacional do Porto e ficará disponível até dia 5 de fevereiro (até às 24:00).

Já o D. Maria II, iniciará as transmissões via online a partir de sexta-feira, 29 de janeiro, com “Carta”, a criação de Mónica Calle, disponível para visualização até 12 de fevereiro. O preço do bilhete é de 3euros e pode ser adquirido na BOL.

Não ficando por aqui, o D. Maria II volta a abrir a ‘Salinha Online’, a partir do dia 30 de janeiro, iniciando a exibição de mais de 20 histórias pensadas para os mais pequenos, realizadas por vários artistas, a partir das suas casas. A entrada é gratuita e será transmitida aqui.

A cada domingo, o teatro vai ainda apresentar o projeto Corrente de Transmissão, dirigido por Maria João Guardão, que “recupera também as memórias de pessoas de diferentes gerações, ligadas à história do teatro e às profissões que o fazem”, lê-se no comunicado feito à Lusa. Podes acompanhar o projeto através do canal de Youtube do D. Maria II.
A primeira conversa realiza-se no dia 31entre a jovem atriz Carolina Passos Sousa e o ator do elenco residente do D. Maria II, José Neves.

“Teatra”, o ‘podcast’ do D. Maria II, mantem-se também nos próximos tempos, quinzenalmente, com Mariana Oliveira assim como o “Ensaio Geral ao Vivo no D. Maria II”, magazine cultural da Rádio Renascença.

Confinados mas com olhares postos na programação digital, o Teatro S. Luiz apresenta, “Cabaret Repórter X”, o espetáculo de teatro musical de André Murraças. O espetáculo está disponível até dia 31 de janeiro e entre os dias 2 e 7 de fevereiro às 19:30, de terça a sábado, e às 16:00, ao domingo. Os bilhetes estão também à venda na plataforma BOL, pelo valor de 3euros.

Quanto ao Teatro do Bairro a “Yerma” e “Destruição de Sodoma”, primeiras peças de Federico García Lorca, da “Trilogia Dramática da Terra Espanhola”, já estão disponíveis em ‘streaming’, até dia 7 de Fevereiro, “Impedidos de cumprir a função e, porque nos orgulhamos do trabalho feito, queremos fazê-lo, ainda assim, mesmo à distância e de forma diferente, e com a certeza de que neste intervalo seguiremos em frente, juntos e em segurança”, escreveu hoje o Teatro do Bairro, na divulgação da apresentação em streaming.” afirmam à Lusa.

Trabalhando na companhia do Teatro Aberto e da Garagem, o Teatro do Bairro junta ainda ao seu calendário a minissérie, que estreou ontem, 26 de janeiro, e conta com quatro episódios em vídeo e em podcast, realizados por João Lourenço e Nuno Neves, do Teatro Aberto

Alinhado com o mesmo, o Teatro da Garagem, também se dedica à exibição da nova versão de “Black Stars”, sua criação, na plataforma digital RTP Palco.

Texto por Patrícia Silva e Lusa
Fotografia via Unsplash

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.