Numa época marcada pela quarentena, mas também pela aproximação da Páscoa, a Supper Stars, marca que proporciona serviços de chef ao domicílio, aproveitou a impossibilidade dos habituais jantares com familiares e amigos para lançar um serviço de entrega de refeições “caseiras confecionadas por chefs profissionais”.

 A iniciativa surge devido aos “muitos chefs que estão em casa, que precisam de vender os seus serviços e que estão disponíveis para cozinhar e ir entregar à casa das pessoas”, explica ao Gerador, Tiago Ribeiro, um dos fundadores da Supper Stars. Face a uma conjuntura, que impossibilita a ideia original do projeto, em que os chefs iam a casa dos próprios clientes para confecionar refeições particulares, o responsável salienta ainda que este serviço vai ao encontro dos clientes que “estão interessados em ter serviços diferentes, sobretudo em ocasiões especiais”, fugindo assim da oferta mais comum que já existe no mercado de entregas.

Num serviço passível de ser “totalmente personalizado” e feito “à medida das necessidades, preferências e restrições alimentares de cada cliente”, o objetivo da Supper Stars é levar até à casa das pessoas, comida “com assinatura” da lista de chefs com quem trabalham, que pode ser consultada aqui. Neste novo serviço, e em especial para esta quadra festiva, existem no entanto menus definidos pelos próprios chefs que, de acordo com a Supper Stars, “são meros exemplos e sugestões”, uma vez que os mesmos também pode ser personalizados.

Entre as sugestões, a Supper Stars sugere, por exemplo “um creme aveludado de camarão ou uma terrine de aves com salada; um carré de borrego com crosta de ervas e puré de batata, ou com um cabrito assado aromatizado com alecrim, batatinhas assadas e esparregado de espinafres”; e, para finalizar “um pudim de ovos caseiro ou um ovo de Páscoa recheado”.

Embora este serviço surja devido à Páscoa e à conjuntura atual, Tiago Ribeiro refere ainda que este serviço continuará disponível pelo menos durante o período de quarentena. “O mote original e que agora também se aplica é que o melhor restaurante é em casa. Só que agora em moldes diferentes. Na prática continuamos a garantir que há boa comida na mesa do cliente, embora não exista a experiência de ter o chef em casa, que, neste caso, passou a ser o chef à porta”, sintetiza.

O serviço inclui três opções de preço: Introdução (15€ | pessoa), Essência (25€ | pessoa) e Assinatura (+35€ | pessoa), que incluem sopa/entrada e prato principal. As sobremesas ficam à parte e custam 25€ para seis a oito pessoas. Adicionalmente, os chefs estão disponíveis para entregar refeições para vários dias, assim como para desenhar um plano de refeições para a semana à medida de quaisquer necessidades e preferências.

O serviço está disponível de norte a sul do país. A encomenda mínima é para quatro pessoas, devendo reservar com 48 horas de antecedência. Os pagamentos são feitos por transferência bancária ou referência Multibanco. Para mais informações, basta contactar o número 927 690 774.

Texto de Ricardo Ramos Gonçalves
Fotografia de Max Delsid via Unsplash

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.