A noite de 31 de dezembro assume um novo rumo para a Fábrica Braço de Prata (FBP): “Para uns novos loucos anos 20” é o tema da festa da passagem de ano para esta terça-feira. A festa tem hora marcada às 17h e pretende comemorar o novo ano até à manhã seguinte.

“Como há cem anos, sabemos que um novo Apocalipse nos espera. Agora, na forma de uma crise climática”, pode ler-se em comunicado. Com o mote lançado, é tempo de retornar ao século passado para a entrada na terceira década do novo milénio.

Quanto à música, Maria João sobe a palco para apresentar Ogre, um projeto que se propõe a fundir o jazz e a música eletrónica. Também Michel William vai dar voz ao seu mais recente álbum I’ve Got a Plan. Além disto, a programação conta com nomes como Os Compotas, Havana Way, Yami Aloelela, João Gentil Areia & Rotsen, Sílvia Nazário, Cláudio Kumar, Espírito Nativo e Roda de Choro da Fábrica. O Baile Espaço Baião, a SwingStation e o Selecta Tupimambo ficam encarregados da dança.

A FBP, que em tempos foi uma fábrica de material de guerra, é agora um edifício que agrega 20 salas com diferentes usos. No local, é possível encontrar salas de concerto e cinema, galerias de arte, salas de aulas, oficinas de várias artes, lojas de roupas usadas, livrarias, entre outros espaços.

Texto por Gabriel Ribeiro
Fotografia de Sarthak Navjivan via Unsplash

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.