A Fashion Revolution Week acontece já esta semana, de 19 a 25 de abril, em formato digital e com uma extensa programação online, que promete revolucionar o universo da moda. O evento promove a consciencialização e transformação urgente da indústria da moda, com webinars, #OpenFactory e Círculos de Partilha sobre temas relevantes propostos pelos seguidores e consumidores.

A semana de ativação Fashion Revolution, quer apelar ao reconhecimento público e governamental da interseção entre direitos humanos e a preservação da natureza. As atuais crises sociais, diretamente ligadas à indústria da moda, ganharam no último ano uma proporção mundial. A necessidade de discutir estas temáticas, acrescidas com a situação pandémica enfrentada a nível global, conduziu o planeamento da programação do evento este ano.

A Fashion Revolution Week procura a transparência internacional e ação política, muito para lá de questionar #WhoMadeMyClothes ou #WhoMadeMyFabric.

A programação do evento, que se estende pela semana de 19 a 25 de abril, conta com a presença de dezenas de marcas no #OpenFactory, para uma maior transparência na cadeia de abastecimento: Libelinha Design; António Handmade Story; Skizo; R-Coat; Lobra; DAMOiSEAUX; Elementum; Ablesia; Inguz; Tetribérica.

Para além destas campanhas de ativação #OpenFactory, por parte das marcas portuguesas, os webinars, todos os dias da semana às 18h30, pretendem ensinar os consumidores a serem ativistas relativamente às questões do greenwashing, a relação com a roupa, e ainda, ensinando os profissionais como comunicar e gerir o desperdício têxtil no seu negócio.

Nesta edição da Fashion Revolution Week, o novo formato Círculos de Partilha, acessível apenas por inscrição prévia, acontece no fim de semana da parte da manhã, no dias 24 e 25 de abril, das 10h30 às 12h. Este encontro online será orientado pela Cândida Rato, especialista no método Way of Council, para profissionais e consumidores.

Para mais informações, pode consultar a programação do evento aqui. A Fashion Revolution Week, que acontece de 19 a 25 de abril, promete revolucionar a indústria da moda, no alerta para a mudança de atitude e consciencialização das problemáticas da indústria, tanto para profissionais, como para os próprios consumidores interessados.

Texto de Ana Mendes
Fotografias da cortesia de Fashion Revolution Week

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.