O Festival de Música de Setúbal regressa para a sua 9ª edição entre os dias 23 e 27 de maio. O cartaz junta artistas nacionais e internacionais, sempre sob a bandeira da inclusão através da música. A cidade sadina volta a ser palco de concertos, performances, criações artísticas, debates e exposições.

No programa de 2019 os músicos portugueses em destaque são Beatriz Nunes, a Orquestra Sinfónica Portuguesa com a maestrina Joana Carneiro, o violinista André Gaio Pereira, o maestro Paulo Lourenço e o Ensemble Juvenil de Setúbal. 

Beatriz Nunes faz as honras da casa às 21h00 no Fórum Municipal Luísa Todi, ao apresentar “Em Casa” acompanhada por Luís Barrigas no piano, Mário Franco no contrabaixo e Jorge Moniz na bateria. A Beatriz, Luís, Mário e Jorge juntar-se-ão o Conservatório Regional de Setúbal (CRS), com o quarteto de cordas, e o Coral Infantil de Setúbal, no coro. O encontro de boas-vindas do festival reune Beatriz e mais dois projetos de Setúbal, que abrem as portas à sua casa.

Na sexta-feira, dia 24 de maio, entre as 10h30 e as 12h00, a performance “O Rio é a nossa Casa” parte da Avenida Luísa Todi com destino na Praça do Bocage. Centenas de jovens das escolas de Setúbal e de grupos comunitários preparam uma vez mais o desfile anual de percussão e de expressão cultural, coordenados por Fernando Molina.

Beatriz Nunes é natural de Setúbal e vai cantar em dois momentos do festival

No mesmo dia às 18h00 André Gaio Pereira dirige John Kenny na Camerata do Festival de Música de Setúbal. O programa inclui belius Andante Festivo, Nigel Osborne Forest-River-Ocean, Tchaikovsky Serenata para Cordas e a entrada é livre, com reserva obrigatória. Pelas 21h00 na Igreja de São Julião a “Missa para Quatro Vozes” de William Byrd serve de enquadramento para um concerto da Escola Superior de Música de Lisboa e do Conservatório Regional de Setúbal no coro, André Gaio Pereira no violino e direção de Alberto Oliveira, Pedro Ferreira, Susana Marques e Paulo Lourenço. 

Às 23h00 na Casa d’Avenida “Uma Pequena Serenata Nocturna” será apresentada pelo Quarteto de Cordas Camarata do Festival, Joana Praça no violino e Joana Rodrigues no violino, Miguel Sobrinho na viola e Pedro Silva no violoncelo. 

No sábado, dia 25 de maio, regressa-se a casa, na Casa d’Avenida, com os compositores e trompete CRS e o quarteto de cordas Camerata do Festival, às 15h00. A música criada por jovens compositores do Conservatório Regional de Setúbal será interpretada pelos músicos da Camerata do Festival, de regresso a casa, em resposta à exposição da Casa d’Avenida, explorando as relações entre a música e a arquitectura.

Às 21h00 no Fórum Municipal Luísa Todi a Orquestra Sinfónica Portuguesa, a Camerata do festival de Setúbal, o Conservatório Regional Palmela e o Conservatório Regional de Setúbal serão dirigidos por Joana Carneiro, tendo como ponto de partida a Sinfonia nº4 e o Adagietto da Sinfonia nº5 de Mahler.

No domingo o dia começa às 11h30 no Fórum Municipal Luísa Todi com “Em Casa e fora dela”, um concerto de escrita de canções com turmas do 3º e 4º ano das Escolas primárias de Setúbal nos coros, juntando-se ao Coro Infantil de Setúbal, ao Quarteto de cordas Camarata do Festival, Banda Carlos Garcia, Beatriz Nunes e Carlos Garcia. Pelas 15h00 no Palácio da Bacalhôa, em Azeitão, a Academia Luísa Todi e o Conservatório Regional Palmela apresentam “Música para um palácio”. 

O Festival de Música de Setúbal é um projeto financiado pela Câmara Municipal de Setúbal, The Helen Hamlyn Trust e Caetano Sport. Os bilhetes já se encontram disponíveis na bilheteira online.  

Consulta aqui o programa completo. 

Texto de Carolina Franco
Fotografia de ©Bruno Simão
O Festival de Música de Setúbal e o Gerador são parceiros

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.