O Festival Mental regressa hoje, 20 de maio, à cidade lisboeta. O evento ocorre em três espaços já marcantes da cidade e da história do Mental: o Cinema São Jorge, a Fábrica Braço de Prata e o atmosfera mO festival pretende destacar o cinema, a partilha de informação e a discussão pública visando diminuir o estigma em volta da saúde mental.

O Festival Mental 2021 arranca, hoje, no Cinema São Jorge com o M-Debate, uma conversa de entrada livre sobre a nossa intensa relação com a tecnologia e como esta afeta a saúde mental, "A Saúde tecnológica na Saúde Mental" conta com um painel de convidados impactantes na área da comunicação, psicologia e jornalismo: João Vasco Almeida (Jornalista e Moderador), Edite Queiroz (Psicóloga, Cinéfila e Cronista), Fernando Pinto (Psicólogo Clínico e Professor) e Carlos Duarte (Social Media Manager).

Ao longo destes dias voltam, ainda, a ser os pilares da programação as M-Talks. Os painéis temáticos sobre assuntos relacionados com a saúde mental sempre acompanhados da projeção de uma longa-metragem. Este ano, os temas recaem sobre: a Ecoansiedade, 21 de maio, a Somatização, 22 de maio, e a Depressão, 23 de maio. Neste âmbito são projetadas três longas-metragens associada a cada um destes temas, respetivamente: "No Coração da Escuridão" de Paul Schrader; "Inadaptado" de Spike Jonze e "Manchester by the Sea" de Kenneth Lonergan. Mais informação sobre cada painel aqui.

As M-Talks são uma resposta do Festival Mental logo em março de 2020, com o projeto digital autónomo M-Talks 4 All com conversas diárias (dias úteis) sobre a saúde mental e o qual se encontra atualmente na segunda série. As M-Talks 4ALL são transmitidas diariamente às 11h00 nos vários canais do Festival Mental e da Direção-Geral da Saúde.

Na programação deste ano inclui-se, também, uma série de eventos integrados nas várias áreas culturais e sociais, continuando a garantir o visionamento de novos talentos do cinema na secção M-Cinema: Mostra Internacional de Curtas e Longas-Metragens. Um conjunto de 14 filmes selecionados através da Open Call 2021 e que, mesmo originários dos quatros cantos do mundo (filmes dos EUA a Portugal, Israel, Argentina e Canadá), comungam entre si por abordarem uma temática sempre relacionada com a saúde mental. Podes saber mais aqui.

No festival, há, ainda, literatura com o lançamento de um livro e concertos na secção My Story My Song. Aliando a esta programação acontece também o Mental Jovem e o Mental Júnior, já que falar da saúde mental não deve ser só para os mais graúdos. O Festival Mental é uma produção da Safe Space Portugal que conta com a coprodução do Programa Nacional para a Saúde Mental da DGS.

Texto de Isabel Marques
Fotografia disponível via Pexels