O filme “À Vida”, protagonizado por Catarina Lima venceu nove prémios no festival 48 Hour Film Project, em Lisboa, no dia 20 de Novembro, nomeadamente Melhor Intérprete Feminino.

A atriz – que venceu nas categorias de Melhor Intérprete Feminino e Melhor Uso da Personagem - concorreu ao 48 Hour Film Project com a sua produtora, a Moving Pictures que, em 48 horas, fizeram o seu primeiro filme.

A premissa do festival é mesmo essa: os participantes têm 48 horas para tudo! Criar um guião, construir personagens, escrever diálogos, procurar locais de filmagem, iluminar, micar, fazer som, tratar de guarda-roupa, maquilhar, gravar, editar, fazer pós-produção, escolher banda sonora, fazer ficha técnica e entregar!

“À Vida” é protagonizado por Catarina Lima e António Camelier, com a participação de Inês Sá Frias, Filipe Rico e Vitor Santos irá representar Lisboa no Festival Filmapalooza, em Washington, em 2021, que irá receber em competição 130 cidades de todo o mundo.

Catarina Lima é atriz, bailarina e coreógrafa, com formação a nível nacional e internacional. Participou na peça de teatro “Aladino e a Gruta Mágica” e em novelas como “Rosa Fogo”, “Doida Por Ti” e está atualmente no ar na novela “Terra Brava”, na SIC. Ainda em setembro, Catarina Lima venceu o prémio de “Melhor Atriz” com a curta-metragem “A Escritora” no Farcume - Festival Internacional de Curtas Metragens de Faro. Fundou este ano a Moving Pictures com o realizador André Costa.

Descobre aqui o trailer do filme.

Texto de Isabel Marques
Fotografia da cortesia da organização