A exposição Fossil (2019) do cineasta e artista visual australiano James Newitt, estará em exibição nas Carpintarias de São Lázaro a partir do dia 18 de Julho e permanecerá até dia 29 de Agosto de 2020. A inauguração decorrerá entre as 12h00 e as 20h00. Em formato de instalação, o filme Fossil, estrear-se-á na Europa.

Trata-se de uma encomenda da Art Gallery of New South Wales, em Sidney, para a exposição “The National 2019: New Australian Art”, a qual foi filmada nas Carpintarias e, nesta apresentação, atravessa vários espaços destas. “No seu Piso 0, será projetado o filme na íntegra em grande dimensão e no Piso -1 haverá uma instalação imersiva, alusiva ao ambiente que deu origem a Fossil“, lê-se no comunicado de imprensa.

Fossil é um curta-metragem que explora os lapsos na memória e as lacunas na linguagem de alguém em recuperação de um trauma. O filme segue uma série de tensões entre dois homens, um mais velho que o outro. Mais afetuoso do que agressivo, embora não seja claro como os dois homens estão relacionados, há uma co-dependência em jogo.”

Durante o Verão, entrada neste Centro Cultural é gratuita.

A exposição pode ser visitada entre as 12h00 e as 18h00, de quinta-feira a domingo.

Texto de Raquel Botelho Rodrigues

Fotografia disponível no site das CSL