No final do próximo mês de janeiro, Guimarães propõe-se a debater o graffiti com os mais jovens. “Válvula” é uma palestra “disfarçada” de espetáculo que visa perceber melhor o fenómeno do graffiti na sociedade e no passado. O Centro Internacional de Artes José de Guimarães (CIAJG) vai acolher a iniciativa nos dias 23 e 24 de janeiro.

“Porque desenhamos nas paredes desde há milhares de anos? São esses traços transgressão ou arte, comunicação ou ocupação?”, questiona-se em comunicado. Em palco, o desenhador António Jorge Gonçalves e o rapper Flávio Almada, mais conhecido como LBC Soldjah, vão tentar lançar respostas para a existência desta manifestação artística.

O espetáculo, que se caracteriza por ser tanto uma palestra como um concerto de hip-hop, vai percorrer a história das sociedades para explicar as novas representações de graffiti. Desde as pinturas rupestres às paredes romanas, passando pelos murais mexicanos.

A iniciativa é uma criação de António Jorge Gonçalves e Flávio Almada e tem um custo de 2€.

Texto por Gabriel Ribeiro
Fotografia via site do CIAJG

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.