fbpx
Menu Grande Pesquisa
Carrinho0

“Ice Merchants”, de João Gonzalez, soma três qualificações para os Óscares

O filme do cineasta português foi considerado a melhor curta-metragem de animação no Festival Internacional de Cinema de Melbourne. É o terceiro prémio qualificante aos Óscares da Academia.

Fotografia de cortesia da Agência da Curta Metragem

Depois de premiada em Cannes, Guadalajara, Curtas de Vila do Conde e Motovun, Ice Merchants, do realizador João Gonzalez, arrecadou, na última quinta-feira, o Prémio de Melhor Curta-metragem de Animação, no maior e mais antigo festival de cinema australiano.

Ice Merchants, terceira curta-metragem de animação do cineasta português, soma assim o terceiro prémio qualificante aos Óscares da Academia, sublinhando o seu lugar na lista restrita de obras elegíveis aos galardões de Hollywood para 2023.

O filme – que teve estreia, este ano, na Semana da Crítica do Festival de Cinema de Cannes, em França, onde recebeu o Prémio Descoberta Leitz Cine para curta-metragem – é sobre um pai, um filho e uma casa num precipício, numa história cheia de metáforas sobre laços familiares.

Na narrativa, sem diálogos, pai e filho produzem gelo na casa inóspita onde vivem, e de onde saltam todos os dias de paraquedas para o vender na aldeia, no sopé da montanha.

"Algo que sempre me fascinou no cinema de animação é a liberdade que nos oferece para criar algo do zero, de raiz. Cenários e realidades surrealistas e bizarras que podem ser usadas como instrumento de metáfora para falar sobre algo que nos é comum na nossa realidade mais "real", escreve João Gonzalez numa nota sobre a película. "Ice Merchants é uma história humana e um drama familiar, passado numa realidade impossível."

Co-produção portuguesa, inglesa e francesa, a curta foi produzida por Bruno Caetano na Cola – Coletivo Audiovisual, em coprodução com Michaël Proença da Wild Stream, em França, e com a Royal College of Art no Reino Unido. Conta com distribuição pela Agência da Curta Metragem. 

Nascido no Porto, em 1996, João Gonzalez é realizador, animador, ilustrador e músico, com formação clássica em piano. Bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian, fez mestrado na Royal College Art, no Reino Unido, depois de terminar a licenciatura na Escola Superior de Media Artes e Design, no Porto. Nessas instituições realizou dois filmes, Nestor e The Voyager, que juntos receberam mais de 20 prémios nacionais e internacionais, assim como mais de 130 seleções oficiais em festivais de cinema espalhados pelo mundo, marcando presença em festivais qualificantes a Óscar e a BAFTA.

João combina o seu background musical com a sua prática em animação autoral, assumindo sempre o papel de compositor e, por vezes, de instrumentista nos filmes que realiza, ocasionalmente acompanhando-os com performances ao vivo.

NO GERADOR ABORDAMOS TEMAS COMO CULTURA, JUVENTUDE, INTERIOR E MUITOS OUTROS. DESCOBRE MAIS EM BAIXO.

Já pensaste em tornar-te sócio gerador?

Ser Sócio Gerador é ter acesso à assinatura anual da Revista Gerador (4 revistas por ano), a descontos nas formações da Academia Gerador, passatempos exclusivos, experiências e vantagens na cultura.

A tua lista de compras
O teu carrinho está vazio.
0