Fábio Jevelim é um dos membros da banda Cancro. É uma banda nascida das cinzas das fogueiras de cantautores e surgiram como forma de "lhes queimar as violas, punk feito de 0's e 1's aos berros pelo ser humano em cima de guitarras sujas e chorosas". Os Cancro são Tiago Lopes, José Penacho (Marvel Lima e Riding Pânico) e Fabio Jevelim (Paus e Riding
Pânico) e criaram, em 2019, o seu primeiro álbum “+” (mais).

Ainda acerca do trabalho que têm vindo a partilhar, Fábio afirma: "Cancro social presente no afogar de uma cultura e sociedade medrosa (merdosa), não estudamos, não argumentamos, somos apenas imagens e cabeçalhos sem investigação ou pensamento. ? Cancro + ou + Cancro ?"

No dia 26 de outubro os Cancro vão atuar no âmbito do projeto Estação Minhoca. Com o apoio do Fundo de Emergência Social - Cultura da Câmara Municipal de Lisboa e numa altura em que todo o sector musical viu os espetáculos cancelados devido à pandemia do Covid-19, nasceu o projeto Estação Minhoca - nome dado às rádios locais em Portugal no início do Século XX. A proposta é oferecer uma oportunidade a músicos independentes de, em tão difíceis tempos, poder apresentar os seus trabalhos ao vivo. A iniciativa vai realizar dez micro-concertos privados no centro de Lisboa, entre setembro e novembro, semanalmente, sempre às segundas-feiras, 19h. Sem nunca revelar o local da actuação - de modo a evitar uma desproporcional aglomeração de pessoas, de acordo com as regras da DGS - cada concerto terá um núcleo extremamente reduzido de espectadores presenciais a juntar à transmissão online pelo Rimas e Batidas

Fica com a sua seleção de 10 músicas, aqui:

Iguana Garcia, "Horas Vagas"

"O Lux morreu."

Tó Trips, "Península"

"O Carmo 81 morreu."

Scúru Fitchádu, "Manus Planus Danus"

"O Sabotage morreu."

Sereias, "Primeiro Ministro"

"O Maus Hábitos morreu."

Holly Hood, "Some" feat. Gson

"O Musicbox morreu."

NERVE x IL-BRUTTO, "TRÍPTICO"

"A Casa Independente morreu."

GAC - Vozes na luta, "A cantiga é uma arma"

"A Sociedade Harmonia Eborense morreu."

Ku de Judas, "Violemos o presidente"

"O RCA Club morreu."

chica, "Brincar com o Cão"

"O Salão Brazil morreu."

Carlos Paredes, "Verdes Anos"

"Morremos todos."

Fotografia da cortesia de Cancro