Flávio Cristóvam é um cantautor açoriano, natural da ilha Terceira. Com um timbre inconfundível e uma maturidade de escrita que em nada reflecte a sua tenra idade, Cristóvam tornou-se recentemente no primeiro português a conseguir um primeiro lugar no prestigiado International Songwriting Competition.

Ao longo da sua carreira, foi distinguido por diversas vezes com prémios de composição musical. Vencedor dos concursos Vodafone One’s to Watch, Angra Rock e LabJovem. Pisou palcos em Portugal, Holanda, Bélgica,
Estados Unidos e Canadá.

Reminiscente de um universo indie-folk, com um espectro de infuências que vão de Bob Dylan a Ryan Adams, enquanto artista a solo, assina as suas canções com o nome “Cristóvam” e começou a gravar em 2015 o seu primeiro disco.

Hopes & Dreams”, editado em setembro de 2018, foi gravado nos estúdios Namouche e contou com a participação de músicos dos projectos Orelha Negra, Amor Electro, Donna Maria, Toranja, entre muitos outros.

Estas são as 10 escolhas da música portuguesa que o Cristóvam partilhou connosco:

Ornatos Violeta, Circo de Feras (Inéditos/Raridades)

“Sou super fã de Ornatos e quando ouvi esta versão do Circo de Feras, que de si já é uma canção inacreditável, tive de ouvir umas 15 vezes seguidas.”

Valter Lobo, Oeste (Mediterrâneo)

“Um dos melhores cantautores portugueses desta geração.”

Pedro Abrunhosa, Ilumina-me (Luz)

“Um hino daqueles que só aparece um a cada 10 anos.”

Best Youth, Hang Out (Winterlies)

“Pop com bom gosto.”

A.D.N., Tu e Eu (Queres o Mundo)

“Nostalgia dos 90’s.”

Lúcia Moniz, Leva-me pra Casa (67)

“Por falar em nostalgia…”

Old Jerusalem, Arduinna and the Science Boy (Two Birds Blessing)

“Lembra-me dos meus primeiros tempos a viver em Lisboa. Tinha acabado de chegar quando vi um showcase de Old Jerusalem na Fnac do Chiado. Absolutamente inspirador.”

Donna Maria, A Rosa e o Espinho (Três)

“Cruzei-me com os Donna Maria em estúdio (Namouche, em Lisboa) no final das gravações desse mesmo disco e ganhei uma enorme admiração por eles enquanto músicos e pessoas.”

Sara Cruz,  Above Our Heads

“Açores <3”

Trêsporcento, Elefantes Azuis (Hora Extraordinária)

“Vi-os no Music Box quando ainda vivia em Lisboa e foi inacreditável. Electrizante.”


Se queres ouvir mais Mesclas da Semana, clica aqui.