Miranda nasceu em 2011. Foi idealizado para ser um projeto de uma só pessoa, mas assim que o João (Miranda) conheceu a Liliana Bernardo tudo mudou e este projeto passou a integrar vocalistas convidados com quem trabalha a composição de melodias e interpretação.
“Attack - Release Studio” é o seu estúdio, no Parque Natural da Serra de São Mamede, e é uma das suas fontes de inspiração. É aqui que o João compõe os seus temas, toca todos os instrumentos e é responsável por todo o trabalho de produção, gravação, mistura e masterização.
Uma simbiose entre guitarra, bateria ou piano e elementos orquestrais e eletrónicos resulta em atmosferas épicas, fantasiosas e melancólicas. Inicialmente feitas por amigos, as letras são também hoje da autoria do João.
Miranda participará no festival microFIAR'21 que decorre nos dias 23, 24 e 25 de julho, na vila de Palmela.

Sobre a sua seleção para esta Mescla disse-nos:

"A Música Portuguesa é de uma riqueza imensurável e incabível em listas. Ainda assim, deixo 10 temas que marcaram a minha vida em diferentes épocas e em diferentes posições. Como ouvinte, como técnico de som em concertos ou como produtor em estúdio, de alguma forma deixaram sua impressão em mim."

Esta é a lista de 10 músicas de autores portugueses que partilhou connosco:

Conjunto Académico João Paulo – "Sue Lin"
Carlos Paredes – "Verdes Anos"
Táxi – "Cairo"
Três Tristes Tigres – "Subida aos Céus"
A Naifa - Señoritas
António Eustáquio & Carlos Barretto – "Na intimidade"
Dead Combo – "Mr. Eastwood"
A Jigsaw – "The Strangest Friend"
Grandfather's House – "My Love"
https://youtu.be/UOODNYv47AA
Murdering Tripping Blues – "Stumblin' Blues"

Todas as segundas sintoniza no site Gerador e descobre as Mesclas aqui.

Fotografia de Paulo Moreira
gerador-mescla-miranda