Filipe Palas, vocalista e guitarrista, dá a conhecer o seu novo projeto a solo, depois de ter ficado conhecido pelas interpretações em Smix Smox Smux e Máquina del Amor. O primeiro single de apresentação, “Saltar à corda”, é um misto de diversão e mistério. Passa por um mundo imaginário da criança, das aventuras, da criatividade emocional, da bondade e pureza que tanto têm, até às pessoas que se aproveitam desse espírito tão autêntico e inocente. Um palhaço atrás de sorrisos.

Depois de “Saltar à corda”, Palas evocou “Esperança”, o segundo single do álbum Dente de Leão com direito a videoclipe, no passado dia 12 de outubro. Esta música fala-nos de dois mundos diferentes: quando crescemos e tudo o que nos rodeia é seguro e belo, e quando nos deparamos com as dificuldades da vida, as diferenças de valores, educação e personalidades, o jogo da vida sem um árbitro.

A banda que atua neste álbum, para além de Filipe Palas, é constituída pelo Tiago Calçada na guitarra, João Costeira na bateria, Filipe Fernandes no baixo, Luís Marques no clarinete. Juntos prometem muita energia e diversão nos concertos ao vivo.

Sobre a sua seleção musical para esta Mescla o Filipe disse que: “Ficando de fora alguns senhores da música portuguesa, como o Sérgio Godinho, Jorge Palma, Carlos Paredes, Zeca Afonso, etc etc, artistas que escusam de ser apresentados, escolhi um conjunto de músicas que ouvi muito durante a adolescência, até aos dias de hoje. Uns ficaram pela amizade, outros pela surpresa, outros pelo respeito, mas todos com um ponto em comum: a qualidade, o talento e a peculiaridade destas grandes bandas.”

Estas são as 10 escolhas da música portuguesa que o Palas partilhou connosco:

Feromona, Conversa de Cama
Mão Morta, Facas em Sangue Corações Felpudos (1990)
peixe:aviao, "Pele e Osso"
Dead Combo, Esse Olhar Que Era Só Teu
Smartini, Liquid Peace
Cave Story, Body of Work
Victor Torpedo, About Life
Bunnyranch, Little Bird Get in Shape
Zen, Unlo
Manel Cruz, Ninguém É Quem Queria Ser


Se queres ouvir mais Mesclas da Semana clica aqui.