A exposição “No Silêncio dos Moinhos”, do fotógrafo Paulo Ferreira, dá a conhecer a fauna e flora que habitam o caminho dos Moinhos de Jancido, em Gondomar. As fotografias, apresentadas ao longo do percurso, até dia 18 de julho, reforçam a importância da conservação ambiental dos caminhos pedestres da região.

@ Paulo Ferreira

O percurso dos Moinhos de Jancido, que se estende por mais de 5km, foi recentemente recuperado por um grupo de voluntários locais, os Amigos do Jancido, que desde 2017 preservam o caminho da antiga linha de caminho-de-ferro entre a foz do rio Sousa e a mina dos Midões. Neste percurso, figuram um conjunto de oito moinhos de rodízio, que dão nome ao trajeto e fazem parte do núcleo molinológico local, tendo sido foco principal da intervenção dos voluntários.

Para assinalar a relevância da fauna e flora do território, o fotógrafo Paulo Ferreira, natural de Gondomar, reuniu uma mostra de fotografias que captam as mais variadas espécies que circundam os Moinhos de Jancido, como o ouriço-cacheiro, o pica-pau, a salamandra-de-fogo e ainda o esquilo-vermelho. Estas, podem ser observadas ao longo da pequena rota histórica, acompanhada por um curso de água.

A diversidade do percurso pedestre dos Moinho de Jancido é reconhecida na exposição “No Silêncio dos Moinhos”, inaugurada no início do mês e patente para visita até dia 18 de julho. O percurso pedestre "PR1 GDM - Linha de Midões e os Moinhos de Jancido" encontra-se sinalizado e foi oficialmente inaugurado a 1 de maio deste ano.

Texto de Ana Mendes
Fotografias de Paulo Ferreira

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.