A 13.ª edição do MOTELX (Festival Internacional de Cinema de Terror) está agendada para os dias de 10 a 15 de setembro no cinema de São Jorge, em Lisboa. Contudo, este ano, o Museu Nacional de Arte Antiga vai abrir as suas portas à meia-noite de 5 de setembro para o Warm-Up do festival.

Serão 31 desconhecidos a viver a aventura noturna no Museu. O objetivo da iniciativa é percorrer algumas das obras presentes no museu e conectá-las ao imaginário do terror e fantasia. Apesar de a noite ser para os adultos, a organização do MOLTELX promete uma manhã de aventuras para os mais novos, com ateliers e peddy paper no último dia do festival.

A 16 de julho foram reveladas as curtas em competição para o Prémio MOTELX – Melhor Curta de Terror Portuguesa 2019. No entanto, haverá uma rubrica de apresentação das 24 melhores curtas internacionais. Assinam países como Itália, Espanha, Tailândia, Nova Zelândia, entre outros.

Em matéria de realização portuguesa, destacam-se as curtas “Dessert”, de Martim David Gomes, “Nojo”, de Pedro Mira, e “Look No Further”, de André Marques. A programação completa do festival e os horários das sessões só serão conhecidos na totalidade na segunda quinzena de agosto.

Texto por Gabriel Ribeiro
Fotografia de MOTELX

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal clica aqui