Os fazedores estão a contagiar o país inteiro e o vírus já chegou à Central Gerador, no Lumiar. Este domingo, dia 23 de Junho entre as 11h e as 18h, a Feira de Ofícios invade o Largo das Conchas, o pátio em frente à Central Gerador com onze projectos, dos ofícios mais tradicionais até aos mais modernos, para um domingo bem criativo. Com vontade de saber mais sobre cada um deles?

Fica – Oficina Criativa

A Fica é um ginásio com máquinas para praticar e treinar. No entanto, aqui troca-se a bicicleta pela prensa, o remo pelo carrossel de impressão, o saco de boxe pela saca de pasta e os halteres pelo maço. Podes treinar sozinho ou com personal trainer, pôr em prática os teus conhecimentos ou aprender de raíz uma técnica. Estão no Lx Factory, em Lisboa com ofícios como cerâmica, serigrafia, risografia ou mesmo marcenaria.

Form-a Craft Design

A designer e curiosa Carla Lopes é a cabeça e as mãos por detrás da Form-a Craft Design, um projecto de upcycling de materiais não recicláveis como uma lona publicitária, redes plásticas de legumes ou antigos botões, que recupera e transforma em diversos objectos. Desde jardins verticais, cadeiras, almofadas, tapetes, carteiras, malas ou mesmo bijutaria.

Homes in Colour 

Uma marca de cerâmica elegante, gráfica e feminina feita à mão. As peças, que abraçam o conceito de jóia para a mesa e para a casa no geral, têm sempre apontamentos dourados com ouro de 12 quilates.

JIVA Handmade

JIVA significa alma, espírito, ser vivo. Para a fundadora da marca, Martina, representa a alegria e o amor com que faz cada peça individualmente. São peças criadas em betão, usando areia e cimento como base e pigmento para dar cor. As misturas são feitas à mão por Martina e, de seguida, despejadas para os moldes.

KauKaus Wood Design 

A Kaukaus nasceu com o objectivo de trabalhar e compreender a madeira. Bernardo Lopes, designer e fundador da marca, queria desenhar as suas próprias peças e vê-las crescer. Decidiu pôr mãos à obra e pegar na sua paixão pela madeira. Hoje cria peças de
mobiliário em madeira maciça personalizadas e à medida e gosto de cada um, de modo a poderem durar durante muitos anos.

LogikEvidence

São especializados em design, arquitetura e fotografia e usam estas dimensões artísticas como base para explorar outros campos como a ilustração, a pintura, a escultura ou a fotografia.

Madalena Telo

A Madalena cresceu na serra com o mar do sul aos pés. Dentro de um atelier envolvida por texturas, pigmentos, pincéis e barro cria formas a partir da moldagem da terra e da água. Representa objectos que trazem pedaços de memórias impressas no barro grés e nas aguarelas de botânicas. Cada peça é diferente, de carácter único e manual, construídas com materiais locais e sustentáveis. Numa continuação de saberes ancestrais e tradicionais, utiliza variadas técnicas, como a roda de oleiro ou o Raku.

Mazurca Nature Prints

Mazurca é uma marca, inspirada na natureza que está sediada em Lisboa. Sara, criadora da marca e designer é, na verdade, bióloga de formação. Em 2014 decidiu deixar o laboratório para aprender tudo o que podia sobre produção têxtil e artes. A Mazurca promove um consumo ético e sustentável e valoriza as matérias-primas produzidas localmente, principalmente o linho.

Sedimento 

Criado em 2017 por Maud Tèphany e Úrsula Duarte, Sedimento é um co-work exclusivamente vocacionado para a cerâmica.
Além dos workshops e das bancadas para residentes, também é uma marca com a qual as duas ceramistas assinam os trabalhos que fazem para projetos exclusivos, do fine dining à decoração de interior.

I T ‘ S  O K  T O  G O  S L O W

Uma marca inspirada no movimento slow living – em português viver devagar – e na necessidade de criar objectos com significado, respeitando a sabedoria das técnicas ancestrais de uma forma moderna e ética. Os materiais são escolhidos cuidadosamente, cada peça é feita à mão em tear artesanal, uma a uma, em edições limitadas. Cada produto é, por isso, único.

Sofia Magalhães Cerâmica

Sofia Magalhães, nasceu em Vila Real em Trás-os-Montes e hoje vive e trabalha em Lisboa. Em 2004 começou a sua formação em cerâmica no ar.co. – centro de arte e comunicação, que continuou em Florença e campo da Toscana com vários escultores e ceramistas. Fundou o atelier Caulino onde trabalhava como ceramista, artista e professora. Em 2011 é seleccionada para o prémio de ilustração Jovens Criadores com a dupla Com Amoras (juntamente com Margarida Fernandes). Entre 2015 e 2018 trabalha com Thierry Simões no atelier Pátio do Tejolo na construção de ateliês de cerâmica e desenho.

Durante a feira decorrem ainda dois workshops gratuitos:

11h30 às 13h | Oficina de Tecelagem Criativa pela Andreia Marques da It’s Ok to Go Slow

Aqui vais perceber como funcionam os teares, descobrir as matérias primas, a estrutura de um tafetá, como pôr as mãos na massa com técnicas e acabamentos criativos e, ainda, realizar um pequeno projecto. O workshop é gratuito e os materiais estão incluídos. No entanto, poderás trazer pequenos elementos que queiras integrar no teu projecto, como lãs, fios, contas ou elementos da natureza. O workshop é limitado a 6 pessoas, por ordem de chegada. As crianças a partir dos 5 anos poderão participar.

16h às 17h – Workshop Ginásio de Ofícios Fica – Oficina Criativa

Durante 1 hora, a Fica vai mostrar alguns dos ofícios que podes experimentar no seu Ginásio de Ofícios. Serão 3 oficinas, onde terás acesso a uma breve explicação e demonstração de serigrafia, cerâmica e marcenaria. O workshop é gratuito mas limitado a 10 pessoas, por ordem de chegada.

A entrada para a feira de ofícios é gratuita.

Onde fica a Central Gerador?

A entrada faz-se pela Rua Luis Pastor de Macedo, nas traseiras do edifício da Junta de Freguesia do Lumiar, pelo portão verde que estará aberto. A Central Gerador fica no Largo das Conchas, Casa da Cidadania, nº 5, Lumiar (Lisboa).

Créditos – Foto do Sedimento, um dos projectos que participa na Feira de Ofícios