fbpx
Menu Grande Pesquisa
Carrinho0

O clube do livro feminista “Heróides” apresenta terceira edição em 2023

O projeto é desenvolvido pela estrutura de criação artística Cassandra, e a curadoria é feita por Andreia Nascimento e Sara Barros Leitão. A primeira sessão está agendada para o dia 28 de janeiro. Patrícia Lemos, autora do livro discutido, vai marcar presença.

Fotografia cortesia de Heróides

Ler doze livros em doze meses é o desafio proposto pelo projeto fundado por Sara Barros Leitão, em 2021. No último sábado de cada mês, os participantes reúnem-se online para conversar sobre o livro escolhido pela pessoa convidada da respetiva sessão. Poemas, de Hannah Arendt, O Ano de 1993, de José Saramago, Coisas que Não Quero Saber, de Deborah Levy, e A História de Uma Serva, de Margaret Atwood, são algumas das obras que vão ser discutidas ao longo do ano. 

A terceira edição vai ser inaugurada com uma conversa acerca da obra Não É Só Sangue, de Patrícia Lemos, educadora para a saúde menstrual e fertilidade. No comunicado de imprensa lê-se que durante o mês de janeiro dez cidades do país vão “acordar” com o livro da autora espalhado pelas ruas. “Nas redes sociais da Cassandra, que desenvolve este projeto, serão partilhadas fotografias dos livros nos locais onde foram deixados, e qualquer pessoa os poderá encontrar”, lê-se. 

Entre os convidados desta edição encontram-se Isabel do Carmo, Marisa Matias e Violante Saramago, que vai estar presente na primeira sessão presencial do projeto, no dia 27 de maio, no Funchal. Para o dia 29 de julho, na Praia da Aguda, e para o dia 16 de dezembro, em Setúbal, estão também agendados convívios presenciais entre os participantes inscritos. Na última sessão, em dezembro, os participantes vão poder escolher o livro discutido através de uma votação.

O clube do livro foi fundado após Sara Barros Leitão, atriz e diretora artística de Cassandra, ter vencido o Prémio Revelação Teatro Nacional D. Maria II / Ageas, em 2020. Com o valor recebido, a atriz decidiu investir na criação do clube de leitura. Até ao momento, já passaram pelo Heróides mais seis mil participantes e as sessões têm, em média, cerca de duzentas pessoas e uma duração de cerca de duas horas. 

No site da plataforma Cassandra está a decorrer uma campanha de crowdfunding, intitulada Grão a grão, Heróides e bate-papo, com o objetivo de garantir que, em 2023, a participação no clube do livro continue a ser gratuita e que conte com interpretação em língua gestual portuguesa em todas as sessões. 

A terceira edição do projeto conta com a parceria da Bertrand Editora, Editorial Presença, Penguin Random House, Porto Editora e Publicações Dom Quixote. As sessões presenciais têm  também a parceria do Teatro Municipal Baltazar Dias e Rota Clandestina. 

Para consultares mais informações, podes clicar, aqui.

NO GERADOR ABORDAMOS TEMAS COMO CULTURA, JUVENTUDE, INTERIOR E MUITOS OUTROS. DESCOBRE MAIS EM BAIXO.

Já pensaste em tornar-te sócio gerador?

Ser Sócio Gerador é ter acesso à assinatura anual da Revista Gerador (4 revistas por ano), a descontos nas formações da Academia Gerador, passatempos exclusivos, experiências e vantagens na cultura.

A tua lista de compras0
O teu carrinho está vazio.
0