A iniciativa “Serões Musicais no Palácio da Pena” está de volta para uma 6.ª edição, a ter lugar nos fins de semana de março, entre os dias 6 e 28. As noites serão animadas com oito concertos para fazer reviver os tempos em que se realizavam espetáculos no Salão Nobre há mais de 150 anos.

A programação dos primeiros dois dias, 6 e 7 de março, serão da responsabilidade de Vasco Dantas. O pianista português vai levar até ao palácio dois programas diferentes: o primeiro vai apresentar a música alemã e portuguesa do século XIX, com destaque para a musicalidade de Robert Schumann, José Vianna da Motta e Alexandre Rey Colaço. No segundo encontro, o Quarteto de Cordas de Matosinhos acompanha Vasco Dantas na interpretação de dois Quintetos com piano.

De 13 a 14 de março, França e Alemanha fazem-se ouvir na Pena através de um programa lírico com foco na literatura e na música. Cátia Moreso, João Rodrigues, António Figueiredo, Irene Lima e João Paulo Santos sobem a palco para interpretar obras de artistas como Franz Liszt, Théodore Gouvy, Ludwig Spohr, Camille Sains-Saëns, Charles Gounod e Ludwig van Beethoven, entre outros.

Os últimos dias ficam reservados para o Quarteto Tejo, vencedor do Prémio Jovens Músicos 2019 na categoria de música de câmara, Nuno Ventura de Sousa, jovem pianista que se encontra neste momento a estudar na Universidade de Viena, entre outros.

A programação completa pode ser consultada aqui.

Texto por Gabriel Ribeiro
Fotografia de Katia De Juan via Unsplash

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.
palacio-pena-seroes-musica-gerador