fbpx
Apoia o Gerador na construção de uma sociedade mais criativa, crítica e participativa. Descobre aqui como.

Placas toponímicas e estátua de “Pai Paulino” assinalam a presença africana em Lisboa

A inauguração do evento está agendada para o dia 13 de janeiro, pelas 15 horas, no Largo de São Domingos, no Rossio. O projeto é da Associação Cultural e Juvenil Batoto Yetu e insere-se no programa BIP/ZIP – Bairros ou Zonas de Intervenção Prioritária de Lisboa.

Texto de Débora Cruz

Fotografia de Mark Stuckey, via Unsplash

Apoia o Gerador na construção de uma sociedade mais criativa, crítica e participativa. Descobre aqui como.

O projeto é composto por 20 placas toponímicas, distribuídas pelos principais locais de memória da presença africana na capital portuguesa, e conta também com uma estátua em homenagem a “Pai Paulino”, uma obra da autoria do escultor moçambicano Frank Ntaluma. A Batoto Yetu explicou à Lusa que a colocação destas placas visa reconhecer o “período mais relevante em termos de contributo da presença africana em Lisboa e em Portugal”, entre os séculos XV e o XX.

Djuzé Neves, dirigente associativo da Batoto Yetu, contou que o projeto é mais “um passo” e “uma atividade” desenvolvida pela associação que representa um “contributo” para a história de Portugal. “Abordamos alguns dos primeiros jornalistas de presença africana, médicos, líderes associativos de comunidades religiosas, como é o caso do “Pai Paulino”, locais de encontro de populações africanas ou de portugueses de origem africana, a par da parte artística associada às danças do fado”, esclareceu também.

A escolha do Largo de São Domingos deveu-se ao facto de ser “uma zona historicamente associada à presença de populações portuguesas de origem africana ou de populações africanas ali chegadas, livres ou não livres”, explicou o dirigente associativo. É no Largo de São Domingos que vai ser inaugurada a estátua de Paulino José da Conceição, “Pai Paulino”, líder de uma congregação religiosa de proteção de pessoas africanas, que existia em Lisboa, no século XIX.

O projeto é apoiado pela Câmara Municipal de Lisboa (CML) e insere-se no Programa BIP/ZIP - Bairros ou Zonas de Intervenção Prioritária de Lisboa, lançado em 2011, como um instrumento de política pública municipal. “[O Programa] visa dinamizar parcerias e pequenas intervenções locais de melhoria dos “habitats” abrangidos, através do apoio a projetos levados a cabo por juntas de freguesia, associações locais, coletividades e organizações não-governamentais, contribuindo para o reforço da coesão socioterritorial no município”, lê-se no site.

A Batoto Yetu destaca também que o projeto foi realizado em “parceria próxima” com o Hangar, Gabinete Estudos Olissiponenses, Jardim Botânico Tropical, JF Arroios, JF Misericórdia, JF Santa Maria Maior, JF Santo António, JF São Vicente, JF de Belém, JF da Estrela, Museu da Marioneta, Paroquias associadas à Igreja da Graça, Igreja de São Domingos, Basílica dos Mártires, Lisbon walkers, Sardinha do Bairro Tuk Tuk, Battuta experiences TukTuk, Traço Invulgar Lda (mármores e granitos), apoiantes via crowdfunding, PAR - Respostas Sociais, Casa Pia de Lisboa, I.P e Infotreff.

Se este artigo te interessou vale a pena espreitares estes também

Academia: cursos originais com especialistas de referência

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Planeamento na Comunicação Digital: da estratégia à execução [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Práticas de Escrita [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Viver, trabalhar e investir no interior [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Iniciação à Língua Gestual Portuguesa [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Jornalismo e Crítica Musical [online ou presencial]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Narrativas animadas – iniciação à animação de personagens [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Iniciação ao vídeo – filma, corta e edita [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Planeamento na Produção de Eventos Culturais [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Introdução à Produção Musical para Audiovisuais [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Pensamento Crítico [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Comunicação Cultural [online e presencial]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Soluções Criativas para Gestão de Organizações e Projetos [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

O Parlamento Europeu: funções, composição e desafios [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Fundos Europeus para as Artes e Cultura I – da Ideia ao Projeto

Duração: 15h

Formato: Online

Investigações: conhece as nossas principais reportagens, feitas de jornalismo lento

1 ABRIL 2024

Abuso de poder no ensino superior em Portugal

As práticas de assédio moral e sexual são uma realidade conhecida dos estudantes, investigadores, docentes e quadros técnicos do ensino superior. Nos próximos meses lançamos a investigação Abuso de Poder no Ensino Superior, um trabalho jornalístico onde procuramos compreender as múltiplas dimensões de um problema estrutural.

8 DE ABRIL 2024

A pobreza em Portugal: entre números crescentes e realidades encobertas

Num cenário de inflação galopante, os salários baixos e a crise da habitação deixam a nu o cenário de fragilidade social em que vivem muitas pessoas no país. O número de indivíduos em situação de pobreza tem vindo a aumentar, mas o que nos dizem exatamente esses números sobre a realidade no país? Como se mede a pobreza e de que forma ela contribuiu para outros problemas, como a exclusão social?

A tua lista de compras0
O teu carrinho está vazio.
0