O festival PORT-to-PORT, originalmente agendado para este fim de semana em Lisboa, anunciou um novo formato. O evento descartou a presença física e decidiu apostar a programação apenas via online, este sábado, 21. Os espectadores vão poder ver artistas de Portugal e Irlanda.

Neste novo método, haverá uma transmissão ao vivo que vai contar com vários artistas a atuar a partir das suas casas. Depois, segue-se um “festival virtual”, sendo esta uma maneira de partilhar aquilo que aconteceria caso o festival decorresse com normalidade. Assim nasce o PORT-to-PORT Connected​, que pretende ser uma ramificação do festival que já tem sido planeado há dois anos entre Portugal e Irlanda. A organização admite que o evento físico poderá ser adiado e ganhar nova data, mas para já pretende manter a ideia pela internet.

Este sábado, o cartaz conta com nomes irlandeses e portugueses como Shaunna Lee Lynch, Spekulativ Fiktion, Molly McAlister, Shane McIntyre, Roisin McCabe, Katie O’Grady, Joe Madigan, The Choke Collective, Alexander Edgar, Emmet Brickley, Ciaráin Mac Artain, Mr. Bubble, Shaka’s lo-fi Experience e Jay Graça. 

Texto por Gabriel Ribeiro
Fotografia via press release