Trace Made in Africa é o nome do novo festival da cidade do Porto. Um evento que pretende celebrar a cultura africana através da música, moda, dança e arte.

O festival afro-urbano tem encontro marcado para os dias 24, 25 e 26 de junho, em vários espaços icónicos da cidade invicta. Ao longo dos três dias o Trace Made in Africa promete oferecer shows de dança, concursos, after-parties e experiências gastronómicas.

Apesar do programa completo ainda não estar disponível, o cartaz conta já com alguns nomes como o músico ganês Stonebwoy, a poeta e cantautora sul-africana Busiswa, a ativista e cantora de afro-pop nigerina Yemi Alade, o cantor nigeriano Mr Eazi, o cantor de reggae-dancehall Admiral T, os cabo-verdianos Kriol Kings, o cantor e compositor Tayc, a dupla de DJs sul-africanas TxC e a compositora jamaicana de dancehall Spice.

Vídeo promocional Trace Made in Africa

De momento, é ainda possível realizar a pré-reserva dos bilhetes através do site oficial.

Podes acompanhar todas as novidades aqui.

Texto de Isabel Marques
Fotografia disponível via Pexels