Vem aí uma nova rádio, online, 100% portuguesa com foco no rock, punk, metal e indie. A Rádio Neo Distorção. O pré-lançamento ocorrerá, já, em abril, através de um link privado, em exclusivo, para as pessoas que contribuíram no crowdfunding com pelo menos 20 euros. Oficialmente, a rádio será lançada em maio.

Numa etapa inicial, a equipa era constituída por três membros voluntários (Pedro Cardoso, Marta Amaral e Josué Monteiro). Ainda assim, recentemente, juntaram-se, a estes, mais dois membros (Carlos Martins e Rita Ferreira).

Em conversa com Marta Amaral começa por referir quais os objetivos do projeto. “Para além de dar a visibilidade às bandas, e aos artistas, na rádio, também queremos dar apoios aos mesmos, e ajudar sempre da melhor forma, para que estes possam ter um crescimento saudável.”

A isto, acrescenta “queremos dar uma experiência diferente aos ouvintes através de uma rádio livre de tabus. Uma rádio que quer dar a oportunidade de dar a conhecer os novos talentos para estes se mostrarem ao mundo. Teremos também conversas abertas com bandas e concertos em estúdio.”

Inicialmente, irá apenas funcionar, apenas, em regime online e por app. Para tal, contará com programas como: podcasts, programas e entrevistas com bandas e comunidades, em estúdio.

Para Maria a música underground é desvalorizada pelos “grandes” da indústria. “Por alguma razão muitas das bandas underground que vão para fora têm um sucesso tremendo no estrangeiro. E, nós acreditamos que elas podem ter esse mesmo sucesso, cá, com as táticas certas.”

Aliás, foi a partir desta premissa que o projeto nasceu. “O Pedro (líder do projeto) é um grande apreciador de música, e sentia que havia uma falta da divulgação do meio musical underground, em Portugal. Isso, e a sua paixão, por rádio levaram-no, em 2016, no seguimento do seu projeto final de curso, a criar uma pequena rádio online, com o foco de dar a conhecer, e a divulgar, as pequenas bandas nacionais dentro dos géneros Rock/Metal/Punk”, revelou.

Até à sua estreia, podes acompanhar o projeto através do instagram, e do twitter. Caso sejas artista musical, deste género, podes, ainda, entrar em contacto com a Rádio Distorção, de forma a partilhares os teus projetos pessoais ou coletivos.

Podes, ainda, contribuir para esta rádio portuguesa através do crowfunding, até 21 de abril.

Texto de Isabel Marques
Fotografia disponível via Pexels