Os realizadores Joana Linda, Miguel Gonçalves Mendes e Raquel Freire juntam-se para uma conversa informal acerca da liberdade no próximo dia 30 de março, pelas 18h, na Galeria Verney em Oeiras. Esta conversa, intitulada 3 Realizadores falam sobre Liberdadeexplora o papel da liberdade no dia-a-dia de cada um de nós e, mais concretamente, no universo do cinema.

Curioso acerca dos convidados?

Joana Linda é realizadora e fotógrafa. Em 2009 realizou a sua primeira curta-metragem And From Now On There Shall Be No More Wolves, seguida de Boudoir em 2011. Em 2014, apresentou a curta Em cada Lar Desfeito Um Coração Perfeito no IndieLisboa’14 e encenou a peça Romeu e Julieta para o festival Temps d’Images. Trabalha também na realização de vídeos musicais para artistas nacionais e internacionais.

Miguel Gonçalves Mendes é célebre pelos seus documentários. Ainda muito jovem, foi o vencedor do prémio para o Melhor Documentário Português no DocLisboa 2004 com Autobiografia, que retrata a vida de Mário Cesariny. É igualmente o realizador do aclamado documentário José e Pilar (2010), sobre José Saramago e Pilar del Río. Mais recentemente, concluiu O Labirinto da Saudade, sobre Eduardo Lourenço, vencedor do Melhor Documentário em Longa-Metragem nos Prémios Sophia.

Raquel Freire terminou recentemente o documentário Mulheres do meu país que explora a condição da mulher portuguesa no séc. XXI. Rio Vermelho (1999) foi a sua primeira curta-metragem independente e Rasganço (2011) a sua primeira longa-metragem. Realizou também uma trilogia sobre intimidade, identidade e tabus que inclui os filmes Veneno Cura, A Vida QueimaLeis do Corpo. Raquel é também ativista LGBT e estudou Direito na Universidade de Coimbra.

A entrada na conversa é gratuita. Não percas!

Esta conversa faz parte da iniciativa 45 anos do 25 de Abril, dinamizada pelo Munícipio de Oeiras e pelo Gerador, que celebra a instauração da democracia em Portugal através de múltiplos eventos culturais. Consulta a programação completa da iniciativa aqui.

O Gerador está a dar uma mãozinha ao Município de Oeiras neste projeto.